João Arruda e o tiozão Roberto Requião andam se estranhando

Do Fábio Campana
O deputado federal João Arruda entrega nesta segunda (23), sua carta de renúncia ao cargo de secretário-geral do PMDB do Paraná. Arruda comunicou a decisão através de seu perfil no Twitter, mas não deu maiores informações sobre o motivo da saída. “Não vou me desfiliar do partido e nem deixar de ser membro do diretório eleito pela maioria dos filiados. Mas não farei parte da executiva q fala pelo diretório”, disse o parlamentar.
Peemedebistas ouvidos pelo blog disseram que já não émais harmoniosa a relação entre Arruda o tio, o senador Roberto Requião. O deputado estaria contrariado com decisões monocráticas de Requião – que é presidente do partido no estado – como dissolver diretórios municipais e também como estariam se dando as negociações feitas pelo senador para as eleições de 2018. Mesmo sem chance, Requião quer ser candidato a governador pela sexta vez, mesmo que seja apenas para manter o filho Maurício como deputado. Sob o comando de Requião, o PMDB do Paraná reduziu as bandas estadual (de 14 deputados estaduais para apenas 4) e federal (de 8 para 4).

6 comentários em “João Arruda e o tiozão Roberto Requião andam se estranhando

  • 23/01/2017, 15:32 em 15:32
    Permalink

    grande M …!

    Resposta
  • 23/01/2017, 19:09 em 19:09
    Permalink

    Nem este aturou seu tio;;;;;;;;

    Resposta
  • 23/01/2017, 22:07 em 22:07
    Permalink

    Uma grande mentira esta briga de familia.

    Resposta
  • 24/01/2017, 01:21 em 01:21
    Permalink

    Peça central neste imbróglio está a saida da Mdebista de raiz, a companheira Elza Correa, uma mulher de fibra e coragem. Como já disse outras vezes, o Primeiro Ministro da Sercomtel, Paulo Martins, voto decisivo da executiva Municipal do PMDB na aliança com PP será um dos articuladores de Arruda na região. Falando sobre poder, Martins integra o núcleo duro da administração, e será, em breve, contemplado num elevado posto na telefônica municipal. Dizem por aí, que Adati gostou da tenacidade política, e capacidade técnica do mesmo. Martins já possui a missão de pavimentar a campanha de Adati à deputado estadual.

    Resposta
    • 24/01/2017, 10:49 em 10:49
      Permalink

      Se entendi corretamente, você quis dizer que o sobrinho do Requião, nas próximas eleições, virá a Londrina buscar uns votinhos e vai usar aqui, como testa de ferro, digo, virá aqui fazer dobradinha com o Rei do Estacionamento? Rapaz, o que diz faz sentido e já já vai aparecer ciumeira por aqui!!!

      Resposta
  • 24/01/2017, 14:39 em 14:39
    Permalink

    Se depender deste puxador de votos da região Arruda, não vai nem com guiné…..esta e craque em pedir cargos para a familia…..solamente isto.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: