Juiz mantem preso ex-assessor de Paulo Bernardo

O juiz federal de São Paulo não concordou com a decisão do ministro Toffoli do STF, liberou Paulo Bernardo e outros sete presos, mas manteve nas grades o ex-tesoureiro do PT Paulo Ferreira e Nelson Luiz Oliveira Freitas, ex-assessor do ex-ministro.

 Paulo Bueno acatou os argumentos do Ministério Público Federal: de que Nelson teria continuado a praticar crime, com base na delação de Alexandre Romano.
Leia, abaixo, a íntegra da decisão da Justiça Federal de São Paulo para manter presos os investigados:

One thought on “Juiz mantem preso ex-assessor de Paulo Bernardo

  • 14/07/2016, 10:15 em 10:15
    Permalink

    A justiça paulista é muito competente para prender ex-tesoureiro do PT. Mas a turma do PSDB e de seus aliados que vem fraudando o metrô há duas décadas está soltinha sem ninguém a lhes incomodar seriamente. Até o escândalo da merenda no governo Alckmin não levou ninguém do alto escalão para a cadeia.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: