Justiça bloqueia bens do prefeito de Rolândia

Informa o jornalista Rafael Machado, da Folha de Londrina, que o juiz Marcos Rogério César Rocha, da Vara da Fazenda Pública, ordenou a indisponibilidade parcial de bens de quatro empresas e oito pessoas investigadas pelo Ministério Público na Operação Patrocínio, que apura um suposto recebimento de vantagens indevidas em troca de mudanças em contratos na Prefeitura de Rolândia. Dentre os alvos do bloqueio, está o atual prefeito da cidade, Luiz Francisconi Neto, que teve mais de R$ 1,3 milhão impedidos pela Justiça. No âmbito criminal, a investigação do Gepatria (Grupo Especializado na Proteção ao Patrimônio Público e no Combate à Improbidade Administrativa) começou em setembro passado. (leia mais)

Um comentário em “Justiça bloqueia bens do prefeito de Rolândia

  • 15/03/2019, 14:15 em 14:15
    Permalink

    este ta louco para pegar uma cana fechada…..não demora nada

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: