Justiça nega acesso da Sercomtel Iluminação aos autos do inquérito que apura supostos contratos fraudulentos

Telma Elorza

O LONDRINENSE

A justiça negou pedido da Sercomtel Iluminação para ter acesso aos autos n° 0051307-32.2020.8.16.0014. que investigam os contratos de licitação para iluminação de LED na cidade com a empresa Energepar Empreendimentos Elétricos. A Energepar também é investigada por contratos fraudulentos com as prefeituras de Foz do Iguaçu e Santa Terezinha de Itaipu, na chamada Operação Luz Oculta.

O pedido foi protocolado na 3a.Vara Criminal de Londrina e negado pela juíza substituta Deborah Penna. Na petição, a defesa da Sercomtel Iluminação pediu o levantamento do sigilo dos autos, porém o Ministério Público defendeu que “se trata de medida de caráter sigiloso, cujas diligências se encontram pendentes de cumprimento”. No despacho, a juíza afirmou que a defesa deve “ceder em favor do interesse público protegido em procedimentos de natureza sigilosa”. (leia mais)

 

One thought on “Justiça nega acesso da Sercomtel Iluminação aos autos do inquérito que apura supostos contratos fraudulentos

  • 19/10/2020, 16:54 em 16:54
    Permalink

    Secretário Cova Zote foi dar uma dura nos promoters?

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: