Londrina com 62 mortes. Curitiba com 109. Onde está o erro?

Curitiba, com 1,940 milhão de habitantes registra 109 mortes pela covid-19.

Londrina com uma população de 570 mil habitantes, três vezes menor do que a da capital, confirma 62 mortes.

Onde está o erro? Na contagem, nos procedimentos administrativos de combate à pandemia ou no tratamento médico?

4 thoughts on “Londrina com 62 mortes. Curitiba com 109. Onde está o erro?

  • 22/06/2020, 11:55 em 11:55
    Permalink

    Em Londrina tem uma subnotificação de infectados,já em Curitiba tem uma subnotificação de mortes,o vizinho da frente a esposa foi infectada,foi internada com sintomas médios e o Marido e duas crianças ficaram de quarentena ,mas nem exames foram feitos neles,isso é prova de subnotificação de casos.Hoje começa uma pesquisa com testes em 300 londrinenses para ver como está o contagio,vai ter de 3 a 5 % de infectados de 18 a 25 mil pessoas que já passaram pelo virus.

    Resposta
    • 22/06/2020, 12:46 em 12:46
      Permalink

      Que idiotice escreve este cara.
      Vai proteger incompetência lá no Centro Comercial do condomínio do Marcelo Belinati, O médico que não prefeita nada.

      Resposta
  • 22/06/2020, 14:13 em 14:13
    Permalink

    A coisa fica feia se Maringá entrar nessa mórbida comparação. Londrina e Maringá quase empatam nos casos confirmados. Só que Londrina tem 62 mortos por covid-19 e Maringá, 13 mortos. Mas não é só Londrina que não está cuidando bem de sua população, o Brasil governado por Bolsonaro, amigão do coronavírus, está na mesma situação. Por exemplo, no Paraguai há 2 mortos por covid-19 por milhão de habitantes; no Brasil, a mesma proporção indica a morte de 210 brasileiros. Na Argentina são 20 mortes por milhão.

    Resposta
  • 23/06/2020, 16:29 em 16:29
    Permalink

    Gente, tem que ver como esta sendo feito os atestados de obitos, por exemplo sei de um caso que a paciente foi fazer protese de quadril,faleceu e colocaram no atestado covid, tem o pai de uma amiga do meu filho, faleceu de degue hemorrágica, e iam colocando covid, ai a família bateu o pé, e voltaram atráz, td é uma questão politica.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: