Mauro Janene é condenado a 11 anos de prisão pela morte de Estela Pacheco

Depois de quase 18 anos conseguindo adiar o julgamento pela morte da professora Estela Pacheco, usando de todos os meios possíveis e imagináveis para não sentar na cadeira dos réus, o pecuarista Mauro Janene Costa foi condenado a 11 anos de prisão. O crime aconteceu em outubro de 2000, num prédio no centro de Londrina.

A defesa alegou que Estela caiu acidentalmente do 12º andar do Edifício Diplomata. Já o Ministério Público sustentou que Estela foi morta e jogada da sacada do apartamento do réu.

Júri durou 15 horas e foi realizado em Ponta Grossa. Apesar da condenação o réu poderá recorrer em liberdade.

Deixe uma resposta