Menos de um mês depois de assinar o contrato, CMTU diz que terá aditivo pro lixo

Pouco mais de 20 dias depois de anunciada a vencedora da licitação para a coleta e o transporte do lixo em Londrina, a Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), a gloriosa prefeitura da cidade avisa que deverá fazer um aditivo ao contrato.

É mole?

Menos de um mês depois o primeiro aditivo.

Li no blog do Lino Ramos, o Bicho Pau, que a Kurica Ambiental venceu a licitação realizada no dia 10 de março com o preço de R$ 111,00 a tonelada. Com o aditivo, passaria a custar R$ 130,00 a tonelada.

CMTU informou que o processo do acordo coletivo entre a empresa e o Sindicato dos Trabalhadores do setor ainda está sendo elaborado e não foi formalizado junto à Companhia. O argumento é que os salários dos coletores deve aumentar no acordo coletivo.

Pera aí, e não havia previsão disto? Nem pela média dos reajustes salariais que estão ocorrendo no Brasil?

Ah tá, então tá!

10 thoughts on “Menos de um mês depois de assinar o contrato, CMTU diz que terá aditivo pro lixo

  • 29/03/2017, 13:26 em 13:26
    Permalink

    Depois o Belinati Martins vem dizer que a prefeitura vai ter um déficit de “trocentos” milhões… Não existe a menor justificativa para um reajuste de 17,11% num contrato que acabou de ser feito, a não ser… (complete à vontade) Será que ele tá pensando que vai subir o IPTU mole mole?!?

    Resposta
  • 29/03/2017, 18:46 em 18:46
    Permalink

    O valor máximo da tonelada na licitação era de R$118,69, então, vinte dias depois, a “vencedora” tem maior preço que todas as concorrentes com proposta válida, e até mesmo que o teto da licitação. MP, socorrro!!!

    Fonte:
    2.1.1. O valor máximo unitário de R$ 118,69 (cento e dezesseis reais e
    noventa e cinco centavos) por tonelada coletada, será utilizado com limite
    critério de julgamento na fase de lances, conforme item 8.1. do Edital.
    https://licita.s3.amazonaws.com/uploads/anexo/arquivo/2294/PP013-17FUL_-_PA067-17_-_coleta_de_res_duos_urbanos_REPUBLICADO.pdf

    Resposta
  • 30/03/2017, 06:59 em 06:59
    Permalink

    Prefeito não sei qual está mandando hoje, Demita o cara da cmtu hoje e abra processo administrativo, pois tem respaldo de dois diretores de lá……demita todos ja,

    Resposta
  • 30/03/2017, 07:38 em 07:38
    Permalink

    em pouco tempo Sgarioni mostrou porque esta ai……..caso de policia

    Resposta
  • 30/03/2017, 07:52 em 07:52
    Permalink

    PROCESSO ADMINISTRATIVO E DEMSSÃO SUMARIA, depois venha dizer que o caixa esta em deficit, mostre isto para o secretario da peruca que adora chorar……

    Resposta
  • 30/03/2017, 10:08 em 10:08
    Permalink

    DOUTOR MARCELO MARTINS sabia disso?
    https://www.pacocacomcebola.com.br/geral/pelo-facebook-belinati-responde-sobre-a-licitacao-do-lixo/

    https://www.pacocacomcebola.com.br/geral/cmtu-faz-licitacao-milionaria-pra-coleta-do-lixo/
    16 de fevereiro de 2017 já sabiam:
    O Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza, presidido por Manasses Oliveira desde 1995, já avisou que vai melar na Justiça o edital do Lixo, pois no entendimento dele o documento retira os direitos adquiridos pelos trabalhadores e reduz o valor do salário pago atualmente aos coletores.
    E a grande favorita para conquistar o contrato ampliado de coleta de lixo é a Kurica Ambiental.
    A conferir – http://m.paiquere.com.br/licitacao-preve-aumento-de-500-toneladas-de-lixo-por-mes-em-londrina/#.WKRkUsvJ3qA

    ASSESSOR DE IMPRENSA JOSÉ OTAVIO SANCHES ERENO SABIA E COMENTOU NO SEU SITE:
    O edital para a contratação da empresa que coletará o lixo da cidade para este ano, ao contrário do que afirma a nota e o comentário do leitor, segue e respeita a atual Convenção Coletiva dos Trabalhadores, aprovada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza. Inclusive, o presidente da CMTU, Moacir Sgarioni, já atendeu nesta quarta-feira (15) o presidente do Sindicato, Manasses Oliveira, e esclareceu esta questão. E mais, a Convenção Coletiva é feita pelo Sindicato com as empresas e não com a Prefeitura.

    E OLHA AÍ UM COMENTÁRIO DE FEVEREIRO DE 2017:
    Estava lendo em outra notícia que estão prevendo “500 tons a mais”, isso já é indicio que vão fazer alteração no contrato, ou seja, aditivo. Tinha que cobrar caminhão trucado para a coleta por causa de sua compactação maior em cubagem.
    Tomara que a novela não se repita igual do tio dele com a COMURB.

    e no dia 21 de fevereiro:
    https://www.pacocacomcebola.com.br/geral/suspensa-a-licitacao-do-lixo-em-londrina/

    Resposta
    • 30/03/2017, 12:15 em 12:15
      Permalink

      Zé Otávio do doutor Homero Barbosa Neto.
      Muita água já rodou em seu ribeirãzinho.
      Conta prá nóis:
      Se sabia da Convenção Coletiva do Trabalhador por que não previram corretamente o pagamento desta fatura de 17,11%.
      O deputado de Chico Anisio, Justus Verissimo, dizia que propina boa era de 20%, acima era muito bom.
      Então quem é o Justus Verissimo de Londrina?

      Resposta
  • 30/03/2017, 14:29 em 14:29
    Permalink

    Hora do prefeito da cidade começar a dizer ao povo que ja tomou posse, sabemos de suas dificuldades em administrar, agora aceitar este tipo de acordo, ai e para em menos de tres meses, encerrar carreira;

    Resposta
  • 30/03/2017, 14:33 em 14:33
    Permalink

    alô? é do MP? voces tão vendo o q ta con teceno em Ldna?

    Resposta
  • 31/03/2017, 12:24 em 12:24
    Permalink

    Bonito, tá parecendo a época do AMA/COMURB que a população esqueceu.
    No mínimo tinha q fazer outra licitação, mas tem q ter aditivo p sobrar um quais quais.
    Depois vem c a conversa q tem q fazer revisão de planta de valores.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: