Mexe-mexe no primeiro escalão da prefeitura de Londrina

O prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, promove novas mudanças em seu secretariado.

Algumas já previstas há algum tempo. O presidente da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização, Moacir Sgarioni, pressionado pelo Ministério Público por não se enquadrar na lei das Estatais, deixa a CMTU e assume a Companhia de Desenvolvimento de Londrina. Em seu lugar assume Marcelo Cortez, que presidia a Cohab – aliás o blog já havia dito meses atrás que haveria esta troca.

Na Cohab assume o arquiteto Luiz Cândido de Oliveira.

Já a Secretaria de Agricultura, que vinha sendo comandada pelo vice-prefeito João Mendonça, ficará sob a responsabilidade do administrador de empresas Alexandre Fujita.

Notas Biográficas

Luiz Cândido de Oliveira tem 55 anos, é formado em Arquitetura e Urbanismo pelo Instituto Filadélfia de Londrina (Unifil), possui especialização em Gerenciamento de Projetos e MBA em Gerenciamento de Obras de Edificações. É professor de Engenharia Civil e Arquitetura da Faculdade Pitágoras. Servidor público da Cohab desde 1988, já atuou como Diretor-Técnico de 2011 a 2013, voltando a assumir novamente o posto em 2017.  Executou projetos de reformas e construções para a Autarquia Municipal de Saúde e foi responsável pela seção de Projetos e Obras da Cohab, do setor de Regularização Fundiária e atuou em Gestão de Programas Habitacionais.

Marcelo Cortez tem 47 anos e é formado em Direito pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), com pós-graduação pela Escola de Magistratura do Paraná e também em Gestão Pública pela Universidade Estadual de Maringá (UEM). Já ocupou cargo de procurador da CMTU, da Cohab-Ld e do Município de Assaí, foi diretor-administrativo e financeiro, e presidente desta última. Também esteve à frente da presidência da Sercomtel.

Moacir Sgarioni tem 69 anos, é contabilista e gestor de agronegócios. Diretor de Pecuária na Sociedade Rural de Maringá e Diretor de Patrimônio, Diretor de Pecuária, Diretor-Secretário e Diretor-Presidente da Sociedade Rural do Paraná (SRP) de 2012 a 2016. Em 2014, recebeu o título de Cidadão Honorário de Londrina, onde mora desde 1970. Ele esteve à frente da presidência da CMTU desde janeiro de 2017.

Alexandre Fujita tem 45 anos e é administrador pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), pós-graduado em Ciência Política e Desenvolvimento Estratégico pela Unifil e possui MBA em Gestão Comercial pela ISAE-FGV.  Foi conselheiro de administração da Companhia de Habitação de Londrina (Cohab) desde janeiro de 2017. Possui vasta experiência na área administrativa, tendo recebido do Governo do Paraná, através da Secretaria de Estado de Comércio, o Diploma de Pioneiro da Indústria e Comércio pelo trabalho em prol do progresso de Londrina.

7 comentários em “Mexe-mexe no primeiro escalão da prefeitura de Londrina

  • 23/03/2018, 16:28 em 16:28
    Permalink

    E a Sercomtel?
    Claudio Espiga é Eng civil, cujo o cargo deveria ser de Eng eletricista
    MP ja se possicionou e nada foi feito?
    PQ?
    Sr paçoca e ai??
    Não vai faalar nada sobre?

    abraços

    Resposta
  • 23/03/2018, 16:55 em 16:55
    Permalink

    agora Canhada deita e rola com a CMTU no bolso não demora e todos estarão presos……aguardem

    Resposta
  • 24/03/2018, 08:29 em 08:29
    Permalink

    O Alex vai assunto a prefeitura de fato?

    Resposta
  • 26/03/2018, 14:56 em 14:56
    Permalink

    Quando Janderson Marcelo Canhada e a turma de Ibiporã deixará o governo?

    A turma de Rolândia está na Sercomtel e CMTU?

    Resposta
  • 26/03/2018, 16:02 em 16:02
    Permalink

    SGARIONI VAI EMBORA

    COMPANHIA MUNICIPAL DE TRANSITO E URBANIZAÇÃO
    CNPJ 86731320/0001-37 – NIRE 41300013055
    ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA
    Os acionistas ficam convidados a se reunirem em Assembleia Geral Ordinária em sua sede social, na Rua Professor João Cândido, nº 1213, Centro, em Londrina – PR, às 10:00 horas do dia 25 de abril de 2018, em primeira convocação com a presença dos cotistas representando a maioria absoluta dos votos ou em segunda convocação uma hora depois no mesmo local com qualquer número, para deliberarem sobre a seguinte ordem do dia:

    1. Tomar as contas dos administradores, examinar, discutir e votar as demonstrações contábeis do exercício encerrado em 31 de dezembro de 2017;

    2. Deliberar sobre o resultado do exercício;

    3. Eleger/Reeleger os membros do Conselho Fiscal e fixar as suas remunerações;

    4. Outros assuntos de interesse social.

    Encontram-se à disposição dos acionistas, na sede da Companhia, na Rua Prof. João Cândido, 1213 em Londrina-PR, os documentos a que se refere o artigo 133 da Lei nº 6404/76 e Lei 10303/01.
    Londrina, PR, 23 de março de 2018.
    Moacir Norberto Sgarioni – Diretor Presidente

    Resposta
  • 26/03/2018, 16:12 em 16:12
    Permalink

    EMPRESA DE TOLEDO

    CONTRATO N.º: 004/2018-FUL
    PREGÃO PRESENCIAL N.º: 034/2018-FUL
    PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º: 151/2018-FUL;
    PARTES: Município de Londrina, neste ato representado pela Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização – CMTU-LD, gestora do Fundo de Urbanização de Londrina e de outro lado, Costa Oeste Serviços de Limpeza – Eireli.
    OBJETO: Contratação de empresa especializada para prestação de serviços contínuos de limpeza e conservação nas dependências do Terminal Urbano de Transporte Coletivo – Central, localizado na Avenida São Paulo, 10,centro, Londrina, no Terminal Acapulco, Terminal Vivi Xavier, Terminal Ouro Verde, Terminal Milton Gavetti, Terminal Zona Oeste e Terminal Irerê.
    VALOR MENSAL: R$ 179.749,98 (cento e setenta e nove mil setecentos e quarenta e nove reais e noventa e oito centavos)
    VALOR GLOBAL: R$ 2.156.999,76 (dois milhões cento e cinquenta e seis mil novecentos e noventa e nove reais e setenta e seis centavos
    PRAZO DE EXECUÇÃO CONTRATUAL: 12 meses.
    ASSINATURAS: CMTU-LD: Moacir Norberto Sgarioni/Diretor-Presidente; Marcio Tokoshima/Diretor Administrativo-Financeiro e, de outro lado, COSTA OESTE SERVIÇOS DE LIMPEZA EIRELI: Clachi Escher/Proprietária.
    DATA: Londrina, 21 de março de 2018.

    Endereço: Rod. Celso Garcia Cid, 483 – Jardim Novo Sabara, Londrina – PR, 86010-490

    http://www.costaoesteserv.com.br/noticias

    Claci Escher é sócio, administrador ou dono da empresa Costa Oeste Servicos (Costa Oeste Servicos De Limpeza – Eireli).

    CNPJ: 07.192.414/0001-09

    Razão social: Costa Oeste Servicos De Limpeza – Eireli

    Nome fantasia: Costa Oeste Servicos.

    Endereço: R Nossa Senhora Do Rocio, 1901, Centro, Toledo,
    PR, CEP 85900180, Brasil

    Capital social: R$ 1.800.000,00 (Hum milhão, oitocentos mil reais).

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: