MP suspende Termo de Ajustamento de Conduta com prefeito Marcelo Belinati

Mais um enguiço para o prefeito de Londrina, Marcelo Belinati.

Deu agora há pouco na RPC TV que o Ministério Público do Paraná (MP-PR), decidiu suspender as negociações dos Termos de Ajustamento de Conduta (TAC) com o prefeito de Londrina. A decisão foi informada pelo promotor Renato de Lima Castro, na manhã desta segunda-feira (26).

Castro informou que a suspensão dos acordos, que tinham a intenção de resolver a crise provocada pelo aumento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) no município, ocorre após a promotoria descobrir que um dos membros da comissão criada para apurar a quantidade de condomínios irregulares, mora em um condomínio que não é desmembrado. Ou seja, não paga IPTU individualizado.

“Tive conhecimento que Fabiano Nakanishi [diretor de Gestão e Cadastro de Informações], nomeado pelo prefeito como membro de uma comissão para apurar todos os condomínios que não pagam IPTU individualizado, mora em um condomínio que não paga corretamente o imposto. Em nenhum momento fui informado sobre essa questão, nem pelo prefeito e nem pelo próprio Fabiano”, explicou o promotor.

A Prefeitura de Londrina ainda havia se manifestado sobre a suspensão até a publicação desta reportagem. (leia mais)

Um comentário em “MP suspende Termo de Ajustamento de Conduta com prefeito Marcelo Belinati

  • 26/02/2018, 14:21 em 14:21
    Permalink

    O que me deixa indgnado é de um prefeito eleito logo no primeiro turno,o primeiro da cidade de Londrina e cometer babaquices dessas,assim é para alguém ficar revoltado e não valorizar o titulo de eleitor.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: