One thought on “Na Universidade Estadual de Londrina: sobra tinta e falta educação

  • 17/11/2016, 18:23 em 18:23
    Permalink

    E quem paga a tinta que pinta?

    O povo.

    O trouxa que compra cem gramas de mortadela para fazer o sanduíche pro filho comer na escola pública que o filhinho de papai não cursou nem hoje e nem amanhã, mas não quer largar a escola pública de ensino superior.

    O coitado ou a coitada que faz a faxina no banheiro da UEL e pouca chance terá de ver a filha dela na UEL, comendo no RU dos bacanas que vão de carrão que o papai e mamãe paga de gasolina o que os funcionários gastam com o fim de semana batendo laje.

    O apartamento que o mulambo sem causa recebe da família para morar em outros três na república é maior que a casa do servidor que limpa os cadáveres de indigentes não requeridos para enterro dos cursos de saúde.

    Não pensam nisso estes idiotas?

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: