2 comentários em “No Paraná, dois candidatos a presidente

  • 12/06/2018, 20:49 em 20:49
    Permalink

    Mas não é a única diferença. O que está preso, para tristeza do juiz que mantém o candidato preso, é campeão das pesquisas eleitorais. O que está solto viaja… viaja… viaja… mas continua candidato nanico. Aliás, Álvaro Dias fazia mais sucesso quando ficava lendo a Veja no senado… Em tempo: continuo apostando que a candidatura do senador Álvaro Dias a presidente é candidatura fake, não passa de marketing manjado…

    Resposta
  • 13/06/2018, 12:30 em 12:30
    Permalink

    Queria saber qual a intenção do Álvaro Dias em concorrer. Aliás, queria entender o motivo de tantos candidatos nanicos concorrerem sendo que eles mesmo sabem que não têm chance alguma de ganhar. O Amoêdo até tem um motivo – ele mesmo já disse que não está preocupado em ganhar e sim disseminar a proposta do NOVO, do qual eu torço para que consiga várias cadeiras na câmara e no senado. Mas do resto… eu não entendo.

    Já o Lula eu não acredito que ele vá concorrer, acho mais plausível que tente colocar um poste que não vai chegar no segundo turno e depois pedir uma união da esquerda em torno do Ciro. Mas mesmo que ele, por algum infeliz acaso consiga concorrer por meio de liminar e venha realmente a ganhar, não acho que ele conseguirá ficar no poder por muito tempo. Os tempos de bonança já acabaram, ele não terá como fazer outra farra do crédito pra domesticar o povo, ele não terá os recursos para comprar todo mundo e aparelhar os sistemas, e depois das declarações dele de ter intenção de controlar a mídia e toda a rasgação de seda pra cima do Maduro, caso os investidores sintam que ele possa ganhar, vão tirar o dinheiro daqui, o dólar e a inflação vão explodir e é bem capaz de termos outro impeachment. Isso, ou teremos uma Venezuelização.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: