Nomeação de Rubico Camargo para a Itaipu fere a Lei

do Cicero Cattani

A informação está no O Globo, em matéria de Eduardo Bresciani e Maria Lima. A indicação de  Rubens de Camargo Penteado para a diretoria administrativa  foi do deputado federal Rubens Bueno, do PPS do Paraná e fere a Lei de Responsabilidade das Estatais sancionada pelo próprio presidente Michel Temer no ano passado.

Utilizada pelo governo até em peças publicitárias como uma medida de “moralização”, a lei proíbe a nomeação de quem ocupou cargos de direção partidária nos 36 meses anteriores à indicação. Rubico – como é conhecido nos meios políticos – , porém, era integrante da executiva do PPS no Paraná até 23 de junho de 2016. Ele já foi também secretário-geral do partido.(leia mais)

6 comentários em “Nomeação de Rubico Camargo para a Itaipu fere a Lei

  • 24/01/2017, 18:09 em 18:09
    Permalink

    mamador e mamador desde que me conheço por gente esta turma esta a mamar nas tetas do povo….e a da turma do limpinho, imagina a dos sujinhos

    Resposta
  • 24/01/2017, 18:18 em 18:18
    Permalink

    Queremos saber a opinião dos deputados Turini e Rubens Bueno agora? Aguardamos?

    Resposta
  • 24/01/2017, 21:12 em 21:12
    Permalink

    Sinceramente, alguém pode esperar atitude diferente de um governo cheio de delatados na Lava Jato, a começar pelo presidente e pelo ministro da Casa Civil? E não é delação de mixaria. É delação acusando o recebimento de milhões e milhões. Mas, quem se importa? A turma que colocou o PMDB, o PSDB e outros aliados (como o PP do prefeito Marcelo Belinati) no governo ainda comemora o fim da corrupção e a ocupação de cargos antes ocupados por petistas.

    Resposta
  • 24/01/2017, 22:49 em 22:49
    Permalink

    depois o Bueno quer tirar uma na cara do Bob Requi…….com que moral, perdemos a compostura de vez, vejo que ninguem presta neste meio

    Resposta
  • 24/01/2017, 23:26 em 23:26
    Permalink

    Esta lei, vale também pras empresas municipais?

    Resposta
  • 25/01/2017, 09:04 em 09:04
    Permalink

    “Do voto limpo à indicação duvidosa
    E o PPS, hein? O partido do “voto limpo” nunca aparece em indicações para cargos, quando surge a chance… é escrachado com a indicação de Rubens de Camargo Penteado para uma diretoria da Itaipu. Segundo a Lei de Responsabilidade das Estatais, sancionada no ano passado pelo presidente Michel Temer, é proibida a nomeação de quem ocupou cargos de direção partidária nos 36 meses anteriores à indicação. Penteado era integrante da executiva do PPS no Paraná até 23 de junho de 2016 e já secretário-geral do partido. E agora, Rubem Bueno? ” E agora Turini? “- Blog Zé Beto.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: