Olha o Tucano com o espeto na garganta: Justiça decreta quebra de sigilo bancário e fiscal de presidente da AL

Do Estadão

O desembargador Sérgio Rui da Fonseca, do Tribunal de Justiça de São Paulo, decretou a quebra do sigilo bancário e fiscal do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Fernando Capez (PSDB), e de dois ex-assessores do governo Alckmin – Luiz Roberto dos Santos, o ‘Moita’, ex-Casa Civil, e Fernando Padula, ex-Secretaria da Educação – citados na Operação Alba Branca, investigação que desmontou quadrilha da merenda escolar.

O acesso aos dados fiscais do deputado pega desde o início de 2013. A busca das informações bancárias de Capez pega desde 1.º de janeiro de 2014.(leia mais)

Deixe uma resposta