Os números não ajudam a telefônica Sercomtel

As empresas que fornecem serviços de telefonia fixa continuam apanhando. Com as novas tecnologias e formas de se comunicar, as empresas telefônicas estão perdendo clientes.

Nos meses de novembro e dezembro, entre as maiores empresas de telefonia do Brasil, apenas a Algar aumentou positivamente o número de clientes da telefonia fixa.

Todos os demais perderam clientes. No caso da londrinense Sercomtel a perda foi de 0,49%. Tinha 90.175 clientes na fixa em novembro e fechou dezembro com 89.733. Os números são da Anatel.

Autorizada
Grupo Novembro 2017 Dezembro 2017 Saldo Variação mensal
ALGAR (CTBC TELECOM) 326.174 334.576 8.402 2,58%
BT 3.970 3.970 0 0,00%
CABO 36.936 36.552 -384 -1,04%
CLARO BRASIL 10.884.282 10.871.508 -12.774 -0,12%
OI 175.430 162.893 -12.537 -7,15%
Outras 189.236 189.895 659 0,35%
SERCOMTEL 90.175 89.733 -442 -0,49%
TELECOM ITALIA (TIM) 674.111 676.492 2.381 0,35%
TELEFÔNICA (VIVO) 4.758.043 4.753.588 -4.455 -0,09%
TOTAL 17.138.357 17.119.207 -19.150 -0,11%
Fonte: Anatel
Concessionárias
Grupo Novembro 2017 Dezembro 2017 Saldo Variação anual
ALGAR (CTBC TELECOM) 754.056 755.615 1.559 0,21%
CLARO BRASIL 1.819 1.819 0 0,00%
OI 13.412.322 13.331.838 -80.484 -0,60%
SERCOMTEL 172.814 172.064 -750 -0,43%
TELEFÔNICA (VIVO) 9.417.800 9.379.304 -38.496 -0,41%
TOTAL 23.758.811 23.640.640 -118.171 -0,50%

 

5 comentários em “Os números não ajudam a telefônica Sercomtel

  • 05/02/2018, 15:46 em 15:46
    Permalink

    Jajá vem assessoria de imprensa ou jurídico amolar a imprensa que mostra a verdade…

    Resposta
  • 05/02/2018, 17:19 em 17:19
    Permalink

    Hoje vence quem oferece a melhor internet com o melhor custo. Simples assim.

    Resposta
  • 05/02/2018, 21:13 em 21:13
    Permalink

    Do ponto de vista de mercado, a Sercomtel é um botequinho de vila enfrentando o Carrefour, o Muffato e o Wallmart nas imediações. Não dá, né?!?

    Resposta
  • 05/02/2018, 21:14 em 21:14
    Permalink

    Tô achando que parte do IPTU já está reservado para fazer novo aporte à Sercomtel. Isto é, enfiar dinheiro bom em mau negócio.

    Resposta
  • 05/02/2018, 22:00 em 22:00
    Permalink

    Só para não deixar cair no esquecimento. A turma do Adati continua dando expediente e prejuízo desnecessário a empresa. Embora trabalhando, como afirmou o alemão. Mas isso é o mínimo que se pode esperar de qualquer trabalhador, inclusive em cargo comissionado. Quer dizer, dar o exemplo de austeridade (diminuindo Diretorias, Assessorias, cargos Gerencias e Coordenadorias inertes), nem pensar, que se corte somente no lombo dos funcionários que esperam ansiosos o julgamento do Dissidio que teima em ficar parado, perdido, em alguma mesa do Ministério do trabalho. Mais uma preocupação para os colaboradores, visto que junho tem início uma nova rodada de negociação salarial.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: