Partidos com dificuldades de encontrar mulheres dispostas à concorrer na eleição

Na primeira semana de abril, mais especificamente no dia 4, aqueles que desejam concorrer na eleição devem ter domicílio eleitoral na circunscrição na qual desejam concorrer e estar com a filiação aprovada pelo partido. Esta data também marca o fim do prazo para que detentores de mandatos no Poder Executivo renunciem aos seus cargos para se lançarem candidatos.

E a maior dificuldade dos partidos, por enquanto, é conseguiram mulheres que estejam com vontade de disputar as eleições. Cada partido que for concorrer precisa apresentar no mínimo 9 candidatas.

A caça às mulheres com algum potencial de votos é enorme.

Sempre lembrando que o Tribunal Superior Eleitoral está de olho em candidaturas laranjas, que podem gerar cassação de toda a chapa.

Deixe uma resposta