Pau quebra em Foz e candidato a prefeito vai ter que pagar multa de 1 milhão

O pau está quebrando nas eleições suplementares de Foz do Iguaçu.

Informa o blogueiro Hélio Lucas que num único dia, o candidato a prefeito de Foz do Iguaçu, Phelipe Abib Mansur (Rede), tomou multa de R$ 1 milhão por descumprimento de ordem judicial, teve material impresso apreendido por calúnia e difamação e ainda terá que ceder parte do seu tempo no horário eleitoral gratuito desta quarta-feira (29) ao adversário, deputado Chico Brasileiro (PSD), que ganhou direito de resposta.

Phelipe Abib Mansur recebeu a multa de R$ 1 milhão por ter ignorado uma decisão da Justiça Eleitoral e divulgou no Facebook e no horário eleitoral gratuito de rádio e TV uma pesquisa “fraudulenta”, conforme afirmou o juiz eleitoral Marcos Antonio Frason, que estipulou a punição nesta terça-feira (28).

“O desprezo, a afronta, o desacato e o desrespeito às decisões judiciais não podem ser tolerados, e a liberdade de expressão nas campanhas eleitorais deve, antes de tudo, observar a legalidade e a inevitabilidade da função jurisdicional”, anotou o magistrado. Segundo ele, Phelipe Mansur e a coligação Foz Acima de Tudo, multada solidariamente, “praticaram ato atentatório à dignidade da justiça”.

Segundo o juiz, o valor de R$ 1 milhão foi fixado “ante a gravidade da conduta e impacto no pleito eleitoral”. A pesquisa fraudulenta foi realizada pelo Instituto Konsultta e sua divulgação havia sido proibida pelo juiz Roberto Ribas Tavarnaro, do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), no último dia 24. (leia mais)

One thought on “Pau quebra em Foz e candidato a prefeito vai ter que pagar multa de 1 milhão

  • 29/03/2017, 10:37 em 10:37
    Permalink

    Ficou difícil pro candidato da turma do Beto Richa hein?

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: