Pesquisa mostra que Kireff termina o mandato de bem com a população

Da Paiquere AM

Kireeff, já pensando nas férias
Kireeff, já pensando nas férias

Última pesquisa da administração Alexandre Kireeff (PSD) realizada pela Rádio Paiquerê, o Instituto Multicultural e a Folha de Londrina mostra que o atual chefe do executivo se despende da Prefeitura de Londrina com 84% de avaliação positiva. Deste número, 54,% dos londrinenses afirmaram que a administração atual não trouxe surpresas e aconteceu como esperado, 29,5% disseram que foi melhor do que imaginavam e 13,5% acreditam que foi pior do que imaginavam. Não souberam responder soma 2,5%.

Ao todo, foram realizadas 750 entrevistas individuais entre os dias 15 e 17 de dezembro em todas as regiões de Londrina, inclusive na zona rural. A margem de erro é de 3% para mais ou para menos em um intervalo de confiança de 95%.

Outra pergunta da pesquisa foi com relação ao grau de satisfação dos londrinenses com a administração Kireeff nos últimos quatro anos. Satisfeitos somou 42,5%, normal 38,5%, completamente satisfeito 10,5%, insatisfeito 7% e completamente insatisfeito 1,5%. Com relação a confiança no prefeito, 70,5% disseram confiar e 22,5% não confiar. Não souberam responder 7%.

Na pesquisa, os entrevistados também foram questionados se, com base no que foi administração municipal em Londrina nos últimos quatro anos, votariam em Alexandre Kireeff para algum cargo público. 73% disseram que sim, votariam, 20% não e 7% não responderam.

Já a nota para da administração Kireeff neste último mês de mandato foi 6,3. A média dos últimos quatro anos foi de 6,1. (leia mais)

4 thoughts on “Pesquisa mostra que Kireff termina o mandato de bem com a população

  • 22/12/2016, 10:56 em 10:56
    Permalink

    Kuri Ca
    Ku r i ca
    K u r i c a

    Resposta
  • 22/12/2016, 10:59 em 10:59
    Permalink

    O POVO é tonto. Vamos ver o rombo quando for apresentada a auditoria independente. A mascara cairá.

    Resposta
  • 22/12/2016, 11:09 em 11:09
    Permalink

    Já doou área para a Cesumar e nada pro Cesulon.
    Pode viajar.
    Maringá tem Unicesumar.
    Londrina tem Unifil.
    Presbiterianos de Londrina nem recebem doação, pois tem que comprar áreas.
    No que o maringaense é mais doce que o londrinense?

    Resposta
  • 27/12/2016, 22:13 em 22:13
    Permalink

    E as praças de Londrina que não tem tanta visibilidade como as do centro, continuam uma floresta só.
    Veja só o matagal existente nas praças entre as rua Quatá e Sorocaba no Jardim Sam Remo.
    Pago meus impostos e reclamo na CMTU… Providências dessa pífia ADMINISTRAÇÃO TÉCNICA.
    CAI FORA KIBLEFFE

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: