Prisão em segunda instância

Rápidas

Está tramitando no Congresso um projeto que regulamenta a possibilidade de prisão após julgamento em segunda instância. É o PL 402/2015. E a presidente do PT, Gleisi Hoffmann (PR), é uma das autoras do projeto.

Livre de processo

Já Ricardo Barros, livrou-se de representação do PT por conta da polêmica ação de incentivar a judicialização de medicamentos cuja importação é barrada pela Anvisa. Os petistas desistiram do processo porque Barros deixará o Ministério nos próximos dias para disputar novo mandato de deputado.

 
https://istoe.com.br/mouco-em-alta/

Deixe uma resposta