Quanto custa para o contribuinte a bajulação de parlamentares petistas a Lula

do José Pedriali

A peregrinação de parlamentares do PT e partidos satélites a Curitiba para bajular o ex-presidente Lula, preso por corrupção e lavagem de dinheiro, levou deputados do PT a faltar a mais de 25% das sessões da Câmara. É o caso do deputado Paulo Pimenta (RS), um dos autores da vexatória manobra de tentar soltar Lula no plantão do desembargador Rogério Favreto, do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, domingo.

Justa causa

Desde a prisão de Lula, Pimenta contabiliza 13 faltas. Em 2018, faltou um a cada quatro dias e se fosse trabalhador normal, daria justa causa.

Na nossa conta

Além das faltas, parlamentares têm sido reembolsados pelas viagens a Curitiba. Paulo Teixeira (PT-SP) já recebeu mais de R$ 1,5 mil de volta. (Claudio Humberto – Diário do Poder)

Um comentário em “Quanto custa para o contribuinte a bajulação de parlamentares petistas a Lula

  • 11/07/2018, 11:19 em 11:19
    Permalink

    Belíssima essa preocupação com o dinheiro dos contribuintes… E aproveitando o tema, já que sou também um contribuinte curioso, o senhor José Pedriali poderia nos dizer quanto nos custou durante o período em que trabalhou arduamente na Comel na condição de funcionário público comissionado? É claro que, nem de longe, estou insinuando que esse cargo foi um presentinho especial ao antipetista oferecido pelo governador honestíssimo Beto Richa. KKKKK

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: