Receita Federal procura deputada estadual Maria Victórica Barros

do Angelo Rigon

Esta afixado em edital no prédio da Receita Federal de Maringá, desde o dia 11, um termo de ciência de auto de infração contra a deputada estadual Maria Victoria Borghetti Barros (PP).

Este tipo de documento só vai a edital público quando não foi possível encontrar o contribuinte. Maria Victória, que nasceu em Maringá e reside em Curitiba, saiu recentemente de uma licença-maternidade de oito meses.

O edital em questão refere-se a auto de infração, de termo de ciência de lançamentos e encerramento total do procedimento fiscal, com apuração de responsabilidade tributária e de termo de verificação de ação fiscal.

De acordo com a Receita Federal, a fiscalização tributária tem por finalidade a verificação, pela administração tributária, do pagamento dos tributos e do cumprimento de obrigações tributárias acessórias”. (leia mais)

Leia Também

A rede do ódio

da Veja Filho Zero Dois do presidente Jair Bolsonaro, o vereador Carlos Bolsonaro ficou conhecido como a...

UEL abre inscrições para Pós em Filosofia Política e Jurídica

A partir da próxima quarta-feira, dia 18 de maio, estão abertas as inscrições para o...

Preparem os bolsos, mais uma vez. Petrobras reajustará o diesel em 8,87% amanhã

A Petrobras irá reajustar em 8,87% o preço do diesel nas suas refinarias a partir de amanhã,...

Comente!

guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Cadê o MP
Cadê o MP
2 anos atrás

E a Auditora Fiscal Federal em Londrina não era irmã de um promotor? Como não sabe achar a deputada?

Cana Brava
Cana Brava
2 anos atrás

Se fosse qualquer Zé Ruela, já tava até em cana. Esse é o nosso Brasilsilsil