Reclamar os moradores reclamam, mas nada de a fiscalização tomar uma providência

Quem mora na Avenida Arthur Thomas e vizinhança, perto da PR 445, já sabe o perrengue que é o mau cheiro quase insuportável em alguns dias e em outros também.

Pior, moradores reclamam com a Secretaria de Meio Ambiente que joga a bola para o IAP e ninguém resolve.

Segundo uma moradora, o cheiro é muito forte vindo da empresa Confepar: “Parece leite estragado, azedo. Às vezes o cheiro lembra curtume”.

Disse ainda que o problema foi, inclusive, tema de uma matéria da RPC/TV na primeira quinzena de dezembro e nada de uma solução para o caso.

Não faltam protocolos de denúncias no Instituto de Água e Terra do Paraná, responsável pela fiscalização, como este:

Deixe uma resposta