Rede Melancia. Boa piada

ImageProxyMarina Silva (Rede) foi recebida na sexta-feira, 19, em Ponta Grossa, por uma solitária caminhonete de melancias – uma alusão que a ambientalista é verde por fora, mas vermelha por dentro. O encontro na cidade dos Campos Gerais reuniu pouca gente, a maioria ex-integrantes do PCdoB e assessores do deputado Aliel Machado, ex-comunista e agora na Rede. Com informações da Folha Centro Sul.

Marina, ex-PT, ex-PV, eX-PSB e agora na Rede, disse aos ex-militantes comunistas que a Rede é um partido com ‘novas propostas’. Fica a pergunta: que tipo de ‘nova proposta’ seria vassala do PT, abrigando petistas, comunistas e ainda travando o impeachment?

5 comentários em “Rede Melancia. Boa piada

  • 22/02/2016, 17:56 em 17:56
    Permalink

    Em política o Brasil é o país da piada pronta e essa bizarrice de rede é uma piada de muito mal gosto.
    Um bando de policozinho de esquerda sem representatividade da base governista que inconformados com as medidas adotadas pela incompetente da dilma resolvem criar um partido para ser da base governista.

    Resposta
  • 22/02/2016, 21:25 em 21:25
    Permalink

    Ô pessoalzinho mal agradecido. A Marina, pra ferrar o PT, se uniu ao dono do avião sem dono. Com a morte do dono do avião sem dono ela se abraçou à campanha fracassada do dono do aeroporto construído com dinheiro público. A Marina não está travando nenhum impeachment. Ao contrário. Ela está apostando no golpe da dupla Mendes & Moro no STE. E o dono dessa caminhonete deve ser a incorporação daqueles direitistas que caguetavam os adversários da ditadura à repressão. A ditadura acabou mas as almas penadas ainda ficam por aí pensando que o Brasil é o mesmo. KKKKKKKKK

    Resposta
  • 23/02/2016, 08:13 em 08:13
    Permalink

    Essa mulher é um engodo.

    Resposta
  • 23/02/2016, 14:08 em 14:08
    Permalink

    A melância explica certinho o perfil dessa sra. Isso nunca deixou de ser pete e no primeiro sufuco que passa já volta correndo pro colo do enganador de pobre.

    Resposta
  • 23/02/2016, 14:28 em 14:28
    Permalink

    O radical ao lado dela segue os mesmos passos. Ele foi eleito por um partido e já passou pra outro.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: