Ricardo Barros votou ‘não’

 

Relator do Orçamento de 2016, deputado Ricardo Barros, oficializou a inclusão no relatório final de corte de R$ 10 bilhões no Bolsa Família

Do Angelo Rigon

O deputado federal Ricardo Barros (PP), tesoureiro nacional do PP, vice-líder da presidente Dilma Rousseff e relator do orçamento 2016, votou contra o prosseguimento do processo contra o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).
Além dele,  votaram contra (e foram derrotados): Cacá Leão (PP-BA), Erivelton Santana (PSC-BA), Paulo Pereira (SD-SP), Washington Reis (PMDB-RJ), Vinicius Gurgel (PR-AP), Wellington (PR-PB), João C. Bacelar (PR-BA) e Manoel Junior (PMDB-PB).

6 comentários em “Ricardo Barros votou ‘não’

  • 15/12/2015, 17:17 em 17:17
    Permalink

    Só tem uma explicação pro Leitão Vesgo (Vice Líder do Governo) ter votado a favor do Cunha, deve ter o rabo preso com o Cunha.

    Escreve Paçoca! O Cunha vai sair preso da Câmara e vai fazer um estrago ao aderir à delação premiada. Vai sobrar pra todos.

    Resposta
  • 15/12/2015, 18:07 em 18:07
    Permalink

    hoje foi o cunhado sua hora ta na caçapa…..

    Resposta
  • 15/12/2015, 19:07 em 19:07
    Permalink

    Se o Eduardo Cunha falar cai metade desses gatunos,

    Resposta
  • 15/12/2015, 20:59 em 20:59
    Permalink

    Aliás, o Cunha mandou recentemente um recadinho pro FHC que ficou caladinho, mudinho… mudinho…

    Resposta
  • 15/12/2015, 22:41 em 22:41
    Permalink

    E ele ta preparando sua saída?

    Resposta
  • 17/12/2015, 10:25 em 10:25
    Permalink

    Imagina o medão do casal 20 do PR… GH e PB.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: