Secretário é obrigado a escolher, por incompatibilidade de cargos

O secretário do Meio Ambiente de Londrina, José Carlos Bruno de Oliveira, terá que deixar um dos cargos que assume, é o que diz o Ministério Público (MP). Atualmente o secretário também é presidente da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU). O Executivo terá 10 dias para tomar uma decisão. Já foi informado pelo Núcleo de Comunicação da Prefeitura que Oliveira ficará apenas como presidente da CMTU. O seu salário é de R$ 13.949,82 mensais.

Deixe uma resposta