Sempre refém e sem peito, Governo adia corte de cargos comissionados

É incrível a falta de capacidade do governo federal de fazer a parte dele. Agora a presidente Dilma Rousseff resolveu adiar o corte de três mil cargos comissionados que fariam parte da reforma administrativa, divulgado por ela mesma.  O governo esperava economizar cerca de R$ 200 milhões, com o corte e a extinção de ministérios e de 30 secretarias. A explicação para o adiamento seria que a extinção dos cargos poderia provocar insatisfação da base parlamentar no Congresso.

Um comentário em “Sempre refém e sem peito, Governo adia corte de cargos comissionados

  • 15/10/2015, 21:04 em 21:04
    Permalink

    Por que ela deveria engordar o exército do Aécio, do Cunha, do Beto Richa, do limpinho dono do PPS, do Paulinho da Força, do Katiguiri e de outros do mesmo nível ético?

    Resposta
  • 16/10/2015, 07:35 em 07:35
    Permalink

    A dentuça só não entregou a bastão ainda por esta gente…..Estes malandros que ai estão mamando não querem deixar a mulher zarpar a muita tempo, por dilma ja tinha caido fora a muito.Mas onde estes imprestaveis irão achar teta de 20 paus por mes….E tem uma curriola de Londrina por lá, vamos dar os nomes,

    Resposta
    • 16/10/2015, 11:00 em 11:00
      Permalink

      Então dê os nomes de quem você conhece. Eles estão no Portal da Transparência.

      Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: