Só coincidências

Coluna Esplanada – Leandro Mazzini

Os laços de amizade envolvendo a soltura do ex-ministro Paulo Bernardo não se resumem à sua relação com o ministro Dias Toffoli, ex-advogado do PT, que deu a liminar. O advogado do casal Gleisi & PB, Guilherme Gonçalves, é genro do dono da UniBrasil, Clémerson Clève, que vem a ser… muito amigo do ministro Gilmar Mendes.

Ciranda

Toffoli e Gilmar Mendes, ex-advogado da União do Governo PSDB, se tornaram amigos próximos no STF e fora dele. Mas são só coincidências. O advogado Guilherme é o mais frustrado da novela. Voltou do noivado em Coimbra direto para uma cela.

Menos dois

Vereadores de Curitiba propõem cassar as honrarias da Casa a Paulo Bernardo (Cidadão Honorário), em 2007, e Guilherme Gonçalves (Vulto Emérito), no ano seguinte. Foram concedidos por dois edis do PT.

http://opiniaoenoticia.com.br/brasil/pingos-nos-is/

Deixe uma resposta