Suspensa licitação da merenda em Jacarezinho

do TCE

Por meio de medida cautelar emitida pelo conselheiro Ivan Bonilha, o Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) suspendeu o andamento do Pregão Presencial nº 26/2020, lançado pela Prefeitura de Jacarezinho. O objetivo da licitação é a contratação, pelo valor máximo de R$ 701.748,00 e durante seis meses, de empresa especializada no fornecimento de cartões magnéticos para fins de pagamento de auxílio-alimentação a servidores públicos desse município do Norte Pioneiro do Paraná.

O ato foi provocado por Representação da Lei nº 8.666/1993 (Lei de Licitações e Contratos) interposta pela empresa Sindplus Administradora de Cartões, Serviços de Cadastro e Cobrança Ltda. Na petição, a interessada alegou ser irrazoável a exigência, prevista no edital do certame, de que a vencedora da disputa apresente, em apenas três dias, relação com 88 estabelecimentos comerciais credenciados em quatro municípios diferentes.

O relator do processo concordou com a representante. Para Bonilha, a previsão pode prejudicar o caráter competitivo do procedimento licitatório, sendo capaz de levar à celebração de uma contratação economicamente desfavorável à administração pública.

One thought on “Suspensa licitação da merenda em Jacarezinho

  • 20/06/2020, 12:20 em 12:20
    Permalink

    Voltemos a Londrina. Pois é, Londrina entra novamente no círculo das piadinhas nacionais. O tal de Nadalim de Londrina, um possível próximo ministro da educação, está sendo chamado de “Weintraub gourmet”. Esse Nadalim, tem a torcida apaixonada de vários blogueiros que estão tendo de se explicar no STF. Falta o Carluxo bater o martelo, que está esperando o tarólogo Olavo Carvalho também bater o martelo.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: