Temer vence, mas continua na mira

Os deputados federais aprovaram ontem à noite o relatório da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), de autoria do deputado Paulo Abi-Ackel (PSDB-MG), que recomendava a rejeição da denúncia da Procuradoria Geral da República por crime de corrupção passiva contra o presidente Michel Temer.

Segundo a secretaria da Câmara, votaram 492 deputados dos 513 deputados: 263 a favor do relatório, 227 contra e duas abstenções. Houve 19 ausências.

Confira como votaram os deputados do Paraná:

SIM – a favor do relatório

Alex Canziani (PTB)

Alfredo Kaefer (PSL)

Dilceu Sperafico (PP)

Edmar Arruda (PSD)

Evandro Roman (PSD)

Giacobo (PR)

Hermes Parcianello (PMDB)

João Arruda (PMDB)

Luiz Carlos Hauly (PSDB)

Luiz Nishimori (PR)

Nelson Meurer (PP)

Nelson Padovani (PSDB)

Osmar Bertoldi (DEM)

Sergio Souza (PMDB)

Takayama (PSC)

Toninho Wandscheer (PROS)

NÃO – contra o relatório

Aliel Machado (REDE)

Assis do Couto (PDT)

Christiane de Souza Yared (PR)

Delegado Francischini (SD)

Diego Garcia (PHS)

Enio Verri (PT)

Leandre (PV)

Leopoldo Meyer (PSB)

Zeca Dirceu (PT)

Rubens Bueno (PPS)

Sandro Alex (PSD)

AUSENTES

Osmar Serraglio (PMDB)

Reinhold Stephanes (PSD)

Luciano Ducci (PSB)

4 thoughts on “Temer vence, mas continua na mira

  • 03/08/2017, 10:15 em 10:15
    Permalink

    O vendido, HAULY, levou tanta sapatada no facebook dele que até tirou a pagina do ar. kkkkkk

    Resposta
  • 03/08/2017, 15:08 em 15:08
    Permalink

    Vamos dar uma forcinha para esses dois sacanas,esses probos deputados,deixa cum nóis.

    Resposta
  • 03/08/2017, 15:11 em 15:11
    Permalink

    Acabei de tomar meu cafezinho numa lanchonete perto do Calçadão. Esses deputados londrinenses que estão no colo do Temer só me dão alegria! Enquanto tomava meu cafezinho, ouvia divertido um “cabo eleitoral” (pelo menos é o que ele pretende ser) de um pré-candidato descendo um pau legal nos dois deputados federais aqui da cidade. Os termos a eles dirigidos – vixe! – nem dá pra repetir aqui. Cúmplice de ladrão era elogio! Tem candidato de olho nas vagas do Hauly e do Alex. E não é petista…

    Resposta
  • 03/08/2017, 21:04 em 21:04
    Permalink

    Algumas opiniões para os aspones levarem para seus chefes:
    1. ‘Operação abafa’ contra corrupção é realidade ostensiva, diz Barroso. (Estadão). Barroso: ministro do STF
    2. “Foi uma vitória de Pirro, porque não adianta nada para o país”. (FHC) Tucano que deve ter achado uma besteira a justificativa do tucano Hauly pra dar seu apoio ao Temer.
    3. “Que Alex Canziani é da turma do Cunha todo mundo sabe. Mas o Hauly enturmado com essa patota só agora a gente descobriu.” (Manezinho da Boca Maldita de Londrina)

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: