Unir tributos pode ter efeito positivo sobre desigualdade

Da F.São Paulo

Estudo do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) sobre as propostas de reforma tributária em tramitação no Congresso mostra que unificar impostos sobre o consumo, com a adoção de alíquotas iguais para produtos e serviços, pode tornar o sistema menos desigual.

A medida beneficiaria os 90% mais pobres, uma vez que a tributação do consumo é regressiva – pesa mais para os de menor renda. Segundo o estudo, os cinco tributos unificados na proposta da Câmara (IPI, PIS, Cofins, ICMS e ISS) representam 27% da renda dos 10% mais pobres e 10% da renda dos 10% mais ricos. Com a fusão, a carga cairia para 24% da renda do décimo mais pobre e subiria para 11% da dos mais ricos.

Veja aqui a proposta do ex-deputado Luiz Carlos Hauly:

Leia Também

Empresários assinam carta em apoio ao sistema eleitoral

da Carta Capital Um grupo de empresários aderiu a uma carta em defesa da democracia...

Roberto Jefferson lança candidatura à presidência e partido assume que será laranja

Mesmo sendo inelegível pela lei do Ficha Limpa, o PTB lançou o nome de Roberto...

Convenção do Republicanos será no sábado

O poderoso Republicanos fará sua convenção estadual neste sábado, em Curitiba. Serão confirmados os nomes...

Comente!

guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Satanás
Satanás
2 anos atrás

É a velha Folha sempre tentando salvar algum tucano… De qualquer forma, alguém já viu um político milionário propor aumento de impostos sobre os outros milionários?