Viaduto da Dez de Dezembro. Será que agora vai?

do Lino Ramos

A Hejos Construções Civis Ltda, de Maringá, é a primeira colocada na concorrência para a construção do viaduto na avenida Dez de Dezembro com a Leste-Oeste, em frente ao Terminal Rodoviário de Londrina. As propostas financeiras foram abertas na manhã desta quarta-feira (27). A Regional Planejamento e Construções Civis, de Londrina, foi a última colocada, com uma proposta muito próxima ao valor máximo da licitação, de R$ 21 milhões. O prazo para entrega da obra é de até 450 dias a partir do início do serviço.

A diferença entre a primeira e a última colocada é superior a R$ 3 milhões. Com a abertura das propostas, a Secretaria Municipal de Obras vai analisar as planilhas apresentadas pela Hejos. Na sequência começa o prazo de cinco dias para apresentação de eventuais recursos das demais participantes. O viaduto na Dez de Dezembro terá 200 metros de extensão e deve incluir espaços para ciclistas e pedestres.

O edital de licitação anterior foi cancelado após uma ação judicial movida por uma das empresas interessadas na obra. Em 2017, a Quattro Engenharia apresentou pedido de impugnação do edital, mas não obteve a resposta no prazo legal e recorreu à Justiça. A prefeitura entendeu que seria mais rápido cancelar o edital anterior e reiniciar o processo.

Confira os valores apresentados entre os quatro proponentes para executar a obra:
Hejos Construções Civis – R$ 17.651.553,75
Consórcio ED – Londrina – R$ 18.930.827,67
V Quattro Planejamento e Construções Civis Ltda – R$ 19.688.766,27
Regional Planejamento e Construções Civis Ltda – R$ 20.999.041,65

Deixe uma resposta