Terceirização

A empresa Gaissler Moreira Engenharia ganhou a obra para realizar, na gestão Alexandre Kireeff, a duplicação da Avenida Castelo Branco incluindo a transposição do Lago Igapó 3.

(mais…)

Carreata em apoio a Bolsonaro

E, para quem curte, haverá uma carreata pró-Bolsonaro neste sábado em Londrina. A concentração será na Avenida Henrique Mansano, próximo ao estádio do Café.  (mais…)

Choque de Gestão, mas em benefício próprio e intransferível

A jornalista Ruth Bolognese, no blog Contraponto, faz uma análise interessante sobre como funcionava o “Choque de Gestão” no Governo Richa.

(por Ruth Bolognese) – Quem se der ao trabalho de ler o longo despacho do juiz Paulo Sérgio Ribeiro, da 23.ª Vara Federal de Curitiba, que substituiu o juiz Sérgio Moro nas ações geradas pelas Operações Integraçao I e II, conclui facilmente que o núcleo mais forte do governo, composto por 4 homens – o governador Beto Richa, seu irmão Pepe Richa e os dois assessores de confiança, Deonilson Roldo e Ezequias Moreira – trabalhavam o tempo todo contra os interesses do povo do Paraná. (mais…)

Compra de terreno por 500 mil em dinheiro vivo

Segundo as investigações da PF Pepe Richa teria comprado um terreno em Camboriu por R$ 500 mil em dinheiro vivo.

E aí Requião, dá pra explicar?

Polícia Federal diz que o esquema de pagamento de propina começou em 1999 e nunca parou.

Pergunta: Roberto Requião de Mello e Silva comandou o governo do Paraná entre 2003 a 2010, e nunca percebeu que havia esquema de distribuição de propina do pedágio?

Pepe Richa foi preso de novo

Pepe Richa, o poderoso irmão do ex-governador do Paraná Beto Richa, foi preso novamente pela Operação Integração – 54.ª fase da Operação Lava Jato. Secretário de Infra-Estrutura e Logística nos dois mandatos do irmão, foi incluído entre os alvos do inquérito que investiga esquemas de corrupção e propina no sistema de pedágio do Paraná.

*do Contraponto

Momento porradaria no twiter: Alckmin x Haddad

Caro Fernando Haddad, não é o meu partido que é comandado de dentro de um presídio. Nem minha campanha foi lançada na porta de penitenciária. Em São Paulo, bandido pega cana dura. Nós construímos 99 novos presídios e reduzimos a criminalidade.

Libano não tem tratado de extradição com o Brasil

Talvez o juiz que autoriza as viagens do primo distante do governador Beto Richa, Luiz Abi Antoun, não tenha visitado ainda esta página aqui do Supremo Tribunal Federal onde constam os países com os quais o Brasil tem tratado de extradição.

Então, o Libano, onde estaria Luiz Abi é um dos países que não tem tratado de extradição com o Brasil.

Pois é. Durma com um barulho desse.

, , , ,

Justiça do Paraná é caso pra analista

E a justiça do Paraná é uma mãezona mesmo. Luiz Abi Antoun, primo distante – só acredita quem quer – do governador Beto Richa, condenado a 13 anos de cadeia na Operação Voldemort, investigado na Operação Rádio Patrulha, agora com mandado de prisão na Operação Integração II, com cidadania libanesa e paraguaia, é autorizado pela Justiça do Paraná a passear pelo mundo.

É ou não é caso pra analista.

Áudios revelam que Joel Malucelli, sogro de João Arruda, participou de divisão informal de lotes”

Da Gazeta do Povo/Via Blog do Tupan

Áudios colhidos no bojo da Operação Rádio Patrulha revelam que o empresário Joel Malucelli, primeiro suplente do senador Álvaro Dias (Pode), mesmo derrotado no processo licitatório ligado ao “Patrulha do Campo”, acabou participando da divisão informal dos lotes do certame. (mais…)

Primo de Richa, alvo da Operação, estaria no Libano

foto Gilberto Abelha

Entre os alvos da nova operação da Polícia Federal está o primo distante – mas nem tanto – do ex-governador Beto Richa, Luiz Abi Antoun. Porém, ele estaria no Libano, viajando com autorização da Justiça Estadual, e só retornaria em outubro. Abi Antoun já foi preso em outra oportunidade, alvo de outras operações da polícia, como a Radio Patrulha e a Voldemort. Nesta última, Abi foi condenado a 13 anos de prisão por fraude em licitações. (mais…)

PF deflagra nova Operação: corrupção nos contratos do Pedágio no Paraná

E hoje de manhã muita gente foi tirada da cama pela malvada Polícia Federal que não entende que pessoas do bem não querem acordar cedo.

Foi deflagrada mais uma fase da Operação Lava Jato  – Operação Integração II, em quatro estados. A investigação policial tem como foco a apuração de casos de corrupção ligados aos procedimentos de concessão de rodovias federais no Estado do Paraná que fazem parte do chamado Anel da Integração. (mais…)

, , , ,