Projeto dificulta fusão de partidos

Fusões poderão ser feitas só após cinco anos do registro definitivo da legenda no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O projeto é de autoria do deputado Mendonça Filho (PE) e será analisado pelo Senado. O texto também dá o prazo de 30 dias para que um político com mandato possa migrar para uma nova legenda.

Hauly diz que é contra e não vai usar o Bolsa Madame

Fui contra e sou contra aceitar passagens para esposas e filhos. Não usamos e nem usaremos. O Presidente da Câmara Eduardo Cunha em quem não votei mostra desprezo pela opinião e pela moralidade Pública.

Acho mais, de que ele deliberadamente,para ajudar Dilma/Lulla, trouxe a Câmara para o centro dos Protestos.

Deputado Luiz Carlos Hauly (PSDB)

Grande vitória dos vereadores de Londrina, eles conseguiram uma foto com Richa

Muita gente se perguntou em Londrina o motivo e o resultado da formação de uma Comissão Especial para acompanhar as negociações entre o governo do Estado e os grevistas.

Bom. Este blog, depois de muita pesquisa, conseguiu descobrir o resultado da ida dos vereadores Jamil Janene (PP), Gustavo Richa (PHS) e Emanoel Gomes (PRB), integrantes da Comissão a Curitiba.

Aí está o resultado:

Jamil Janene, Beto Richa, Gustavo Richa e Emanoel Gomes.
Jamil Janene, Beto Richa, Gustavo Richa e Emanoel Gomes.

Os vereadores conseguiram tirar uma foto com o governador Beto Richa (PSDB). A greve continua, mas a foto dá pra colocar num quadro e pendurar na parede do gabinete.

Fato importante já que os líderes da greve não conseguiram em chegar perto de Richa.

Alívio para alguns. Ex-vereadores são absolvidos da acusação de cobrança de propina

Os ex-vereadores, Renato Araújo, Gláudio de Lima, Luiz Carlos Tamarozzi, Orlando Bonilha, Henrique Barros, Sidney de Souza e Flávio Vedoato foram absolvidos por falta de provas da denúncia de cobrança de propina de R$ 120 mil. Os donos de um condomínio fechado buscavam autorização do legislativo para cercar o loteamento. O ex-vereador Osvaldo Bergamin morreu durante o processo. Ele teria negociado o valor em quatro parcelas e ainda seria acusado de promover um churrasco entre os proprietários e políticos.

PPS não vai aceitar o Bolsa Madame

Diz o deputado federal Rubens Bueno (PPS) que a bancada do partido decidiu, por unanimidade, não aceitar o “Bolsa Madame” – para quem não sabe ainda, a Câmara Federal aprovou pagar passagens aéreas para as mulheres ou maridos dos deputados com o meu e o seu dinheiro.

 

Parem as máquinas. Wilson Picler anuncia sua saída do PDT

O preço do arroz vai continuar subindo e a greve dos caminhoneiros está longe de acabar, mas essa notícia pode abalar as estruturas políticas do Paraná:

O ex-deputado federal Wilson Picler, ex-melhor amigo do ex-prefeito de Londrina Homero Barbosa Neto, desfiliou-se do PDT do Paraná e mudou o seu domicílio eleitoral para Brasília.

Ufologista de carteirinha, diz Picler que quer buscar voos mais altos.

Onde estão os esquemas

“Numa hipotética Ferrovia de, digamos, 6OOkm, entre LDA-SPO, 
uma média de uma empresa e 4O, 5O funcionários a tocam, fácil.

Numa hipotética Rodovia, de, digamos… 6OOkm, entre LDA-SPO,
umas 200 empresas exploram de tudo, com uns 8OO funcionários.

O Brasil, não quer um projeto de eficiência: Quer, são os Esquemas…”

__________________________________________________________
[ Christian Steagall-Condé, arquiteto e urbanista ]

Greve deve continuar, diz dirigente sindical

O diretor da APP Sindicato, Edmudo Novaes, a greve dos professores vai continuar. Segundo ele há muito o que ser discutido ainda. “O governo não mostrou prazos para cumprir o que prometeu e tememos tomar um novo calote, além disso há a possibilidade de ser votado na Assembleia o projeto que autoriza o governo a colocar a mão nos R$ 8 bilhões da previdência dos servidores e isso não podemos aceitar”, disse ele à rádio Paiquerê AM.

Só para o funcionalismo, deputado?

E já argumentava veementemente o Zé Ruela, filósofo e catedrático em banalidades, lá da Vila Recreio, que falar, até papagaio fala.

Ontem, a Assembleia Legislativa do Paraná, o deputado estadual Tercílio Turini (PSB) soltou a máxima: “Eu aprendi que não se deve votar contra o funcionalismo público”.

Interessante.

Questionou Zé Ruela:

– E desde quando tudo o que é bom para o funcionalismo é bom para o restante da população?

– O deputado foi eleito para defender os interesses de todos os paranaenses ou apenas os dos servidores?

E, em Brasília, um baque na Putaria

Se as empresas aéreas estão felizes com o Bolsa Madame, criado pela Câmara dos Deputados, o mesmo não acontece com as casas de luzes vermelhas de Brasilia.

Com as esposas dos parlamentares cada vez mais presentes em Brasília, haverá queda significativa no faturamento das profissionais da difícil vida fácil.

Será um baque na putaria.

E no País da farra com o dinheiro público, é criada a Bolsa Madame

Pais rico é país sem pobreza, já dizia a presidente Dilma no seu primeiro mandato.

Pois bem. Na Câmara Federal a pobreza é algo que passa longe. Segundo o jornal o Globo, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) anunciou ontem, um pacote de bondades para os 513 deputados com reajustes de verbas parlamentares e pagamento de passagens das mulheres e maridos dos parlamentares a partir de primeiro de abril.  O impacto anual extra nas contas da Câmara será de R$ 150,3 milhões. Segundo Cunha, para cobrir o aumento serão cortadas outras despesas do orçamento da Casa, zerando as contas. (leia mais)

 

Ao olhar esta foto, cuidado!!

Vi essa foto no site Oi, Curitiba e, confesso, fiquei com um medo danado.

Nela estão, entre outras figuras, Ricardo Gomyde – aquele que um dia prometeu, quando era assessor especial do Ministério do Esporte, um placar eletrônico para o Estádio do Café e, obviamente, não cumpriu – hoje candidato a presidente da Federação Paranaense de Futebol; Mário Celso Petráglia – presidente do Atlético e que, por não ter sua opinião aceita pelo presidente do Foz do Iguaçu que vai votar no atual presidente da Federação Paranaense de Futebol, tem feito guerrilha rastaquera contra o time da fronteira e o governador Beto Richa, que não gosta de sentar com os professores grevistas, mas que adora conversar com a cartolagem.

Vereadores de Londrina discutem se abrem ou não a CEI da Comida

Os vereadores de Londrina discutem na sessão de hoje se aprovam não o requerimento para a formação de uma Comissão Especial de Inquérito para analisar a denúncia de supostas irregularidades no cumprimento dos contratos firmados entre a prefeitura de Londrina e a empresa Missaka Alimentos, responsável pelo fornecimento de alimentação para a Maternidade Municipal Lucilla Ballalai e para três unidades do Centro de Apoio Psicossocial (CAPs) desde 2011. De acordo coma Procuradoria do Legislativo, o requerimento preencheu os requisitos de admissibilidade, que exigem a adesão de um terço da Câmara (sete vereadores) e apontou o fato determinado para investigação.

Mais um Guergoletto na Câmara?

O professor Cido Guergoletto, irmão do ex-vereador e ex-presidente da Câmara de Londrina, Célio Guergoletto, filiou-se ao Partido Trabalhista Brasileiro e poderá ser um dos pré-candidatos nas próximas eleições de Londrina, em 2016. A ficha partidária já foi assinada e entregue à presidente local, Nádia Moura.

Cido deverá, inclusive, ajudar o PTB na atração de outras lideranças já com vistas às eleições municipais do ano que vem. O partido já tem dois vereadores: Professor Rony e Tio Douglas.

Regras para primeira habilitação mudam agora em março

A partir do dia 1° de março, começam a valer novas regras para quem pretende adquirir a primeira habilitação.  As mudanças são em relação a carga horário do curso, nos Centros de Formação de Condutores, segundo o Conselho Nacional de Trânsito (Contran). Os que já estão em processo de habilitação não serão atingidos pelas novas regras. Para tirar a carteira com a categoria B (carros), será 25 horas / aula, acrescendo o número de aulas noturnas.