Marcelo Belinati: “É VERDADE ESSE BILETE!!”

Quem convive de perto com a administração de Londrina fica assustado com tantas mudanças de posição.

Há pouco mais de duas semanas secretários da prefeitura diziam categoricamente que não haveria de jeito algum qualquer possibilidade de apresentar o velho Refis velho de guerra. Os programas de recuperação fiscal vem sendo usado com frequência pelas administrações, esta e as anteriores, para tentar colocar mais algum dinheiro no caixa. (mais…)

, , ,

IPTU “mamão com açúcar” gera ação de improbidade contra Belinati

O promotor de justiça Renato de Lima Castro, de Londrina, anuncia que irá mover uma ação contra o prefeito Marcelo Belinati por improbidade administrativa.  (mais…)

, , , ,

De cada dez londrinenses seis dizem que não confiam em Belinati

Durma com um barulho desse.

A avaliação da administração e da imagem do prefeito de Londrina Marcelo Belinati despencou como poucas vezes se viu em administrações anteriores.

Segundo pesquisa de avaliação dos 500 dias da administração, realizada pelo Instituto MultiCultural em parceria com a Folha de Londrina e a Rádio Paiquerê AM 61,5% dos entrevistados alegam que não confiam no prefeito, contra 30,5% que confiam na atual gestão.  (mais…)

, , , , , , , , , , , , ,

TJ mantém suspensão de aumento do IPTU de três contribuintes de Londrina

Por Bruno Carraro/CBN Londrina

Três contribuintes de Londrina, tiveram mais um ganho na Justiça contra o aumento do Imposto Predial e Territorial Urbano – IPTU. Em janeiro desse ano, os três contribuintes entraram com uma ação contra a prefeitura de Londrina pedindo a suspensão do aumento do IPTU. O Tribunal de Justiça havia suspendido – em decisão liminar – o reajuste. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Mais de 13 mil assinaturas já foram coletadas contra o IPTU. Fim de semana tem mais

Os moradores da Zona Norte de Londrina, liderados pela Associação Sta Mônica, continuam com as coletas de assinaturas para suspender a lei que aumentou o IPTU e que provocou um estrago monumental no bolso de todo londrinense.

O grupo já coletou 13 mil assinaturas e nos próximos dias acredita que passará de 18 mil.

Neste fim de semana estarão nas principais feiras livres da cidade.

, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Indignados com o aumento do IPTU de Londrina moradores protestam pelas ruas de Curitiba

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Moradores da zona norte “Enterram Marcelo Belinati e Vereadores” em condomínio do Prefeito

Morar no condomínio chique da Gleba Palhano, o Village Premiun, onde reside o prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, deixou de ser um prazer para os vizinhos do alcaide.

Além de serem vistos como moradores de um condomínio de ricos que paga IPTU mais barato que de moradias populares em bairros da periferia, também enfrentam protestos em frente de casa.

Hoje de manhã um grupo de moradores de bairros da região norte de Londrina fez um protesto em frente ao Village Premiun. Com faixas, cartazes e megafone, o grupo levou também um caixão para enterrar o imposto extorsivo.

Moradores saiam e retornavam pela portaria com seus carros de luxo, mas o prefeito não apareceu para conversar com os participantes da manifestação.

*As fotos e imagens foram feitos pela Associação Santa Mônica

, , , , , , , , , , , , ,

Belinati pede a benção ao Ministério Público e pode mudar IPTU

E hoje o prefeito de Londrina de Londrina, Marcelo Belinati, foi ao Ministério Público de livre e espontânea vontade, mas com o advogado Marcos Ticianelli à tiracolo. Vai que né!

Então, segundo as partes a conversa girou em torno de três assuntos:

  • o aumento brutal do IPTU em Londrina
  • o IPTU mamão com açúcar que é pago por Belinati e seus vizinhos no condomínio Village Premiun
  • o aumento sem precedentes e sem explicação convincente da taxa do lixo

(mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Vai entender essa Câmara. Novo diretor geral da Casa responde processo por improbidade

Fala sério.

A Câmara de Vereadores de Londrina procura né. Como procura encrenca para sair mal na fita.

O novo diretor geral da Câmara, Mark Sandro Sorprezo de Almeida, nomeado pelo presidente interino da Casa, vereador Ailton Nantes, responde a processo de improbidade administrativa na Justiça por suposta irregularidade em licitação para compra de marmitas no município de Rolândia (Região Metropolitana de Londrina). Trata-se de uma ação civil pública protocolada pelo MP (Ministério Público) em setembro de 2015, contra Almeida e o ex-prefeito de Rolândia Jonny Lemman, que pede a devolução de R$ 155 mil aos cofres do município. A informação é do jornalista Guilherme Marconi, da Folha de Londrina. Ele é foi alvo também de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito), conhecida como ‘CPI da Marmita’, aberta pela Câmara de Rolândia em 2012. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Belinati, o senhor vai continuar morando lá, ou vai mudar?

PP, cidadão conterrâneo da Vila Recreio, pede pra este prestimoso blog perguntar ao prefeito de Londrina Marcelo Belinati aproveitando a declaração do secretário da Fazenda, Edson Souza que disse que se o cara não puder pagar o IPTU que mude de local.

Então, lá vai: (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Administração pública de Londrina volta a bater cartão no MP

Marcelo Belinati – foto Ricardo Chicarelli

Pois é, a administração municipal de Londrina está voltando a bater cartão no Ministério Público. Ontem o MP informou que está iniciando uma investigação sobre o condomínio Village Premium, onde mora o prefeito Marcelo Belinati e que foi loteado pela empresa do primo dele, Dante Belinati Guazzi. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Condomínio onde mora o prefeito foi entregue há cerca de15 anos e ainda está irregular. Pode isso?

No condomínio fechado na Gleba Palhano onde mora o prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, o Villagem Premium, praticamente todas as casas têm metragem superior a 250m² de área construída (veja aqui).

É padrão nestes condomínios de luxo determinar uma metragem mínima de área construída. A ideia é que, desta forma, não se construa no local casas populares, por exemplo, de uns 70 metros, que poderiam desvalorizar o condomínio. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Quem fiscaliza quem? Ninguém fiscaliza ninguém

Como diria o blogueiro Zé Beto, diretamente do Centro Cínico.

Como acreditar numa Câmara de Vereadores eleita para fiscalizar as ações da prefeitura e do prefeito se não consegue fiscalizar nem mesmo as ações dos seus vereadores?

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Barros protocola pedido de CEI contra Rony Alves e Mário Takahashi

O vereador de Londrina Filipe Barros (PRB) protocolou agora há pouco um pedido de formação de uma Comissão Especial de Inquérito para investigar a conduta dos vereadores Rony Alves (PTB) e Mário Takahashi (PV). Os dois foram denunciados por suposto recebimento de vantagens indevidas para aprovar projetos de mudança de zoneamento.

 

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

No plenário e as orientações

Na foto o empresário Luiz Guilherme Alho da Silva, no plenário, durante uma sessão da Câmara, conversando e explicando alguma coisa que nem sei o que é, para o vereador Rony Alves (PTB), o assessor de Alves, Evandir Duarte de Aquino e um outro assessor do vereador.

Rony Alves, Luiz Guilherme Alho e Evandir Duarte foram denunciados pelo GAECO por supostamente, fazerem parte de um esquema de benefícios ilícitos.

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,