O ministro da Educação, o colombiano de Londrina, subiu no telhado

do Estadão

Em pouco mais de dois meses de governo, o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, perdeu o escasso respaldo que possuía. Indicado para o posto como plano B a Mozart Neves Ramos, o professor colombiano passou a colecionar descontentamentos no Palácio do Planalto e agora tem como única aliada para sua manutenção na Esplanada a deputada Bia Kicis (PSL-DF). (mais…)

, , ,