Não vou brigar com PT, vou olhar para o futuro’, diz Alckmin

Thais Bilenky, Folha de S. Paulo

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), afirmou neste domingo (18) que evitará a polarização em sua campanha a presidente e prega a conciliação nacional, citando o ex-presidente Juscelino Kubitschek (1956-61). “Deixo de lado os pesadelos do passado. Não vou ficar brigando por coisa de PT, não sei o quê, mas vou olhar para o futuro.”
(mais…)

, , , , , , ,

Meireles quer ser presidente da República

 

Meireles: arquivo google

da Revista Veja

O ministro Henrique Meirelles, 72 anos, não costuma responder a perguntas sobre seu futuro político. Sempre que se vê metido no terreno movediço das especulações sobre uma possível candidatura presidencial, arruma uma forma de esquivar-se do assunto, lembrando que seu desafio na economia, enquanto titular da Fazenda, requer total atenção e dedicação no momento. Na última quarta-feira, 1, ele falou abertamente sobre os fatores que podem influenciar a decisão de disputar a eleição do ano que vem. “Na primeira vez que levantaram esse assunto, há alguns anos, eu disse que a Presidência era uma questão de oportunidade e destino. Olho com realismo as coisas. Eu acredito que o país vai, de fato, estar bem na situação econômica, mas existem condições políticas e condições eleitorais que precisam ser analisadas”, diz Meirelles. A seguir, os principais trechos da entrevista: (mais…)

, , , , , ,

Temer quer mostrar que o País está avançando

Depois de livrar o próprio da reta ontem durante a sessão de ontem da Câmara Federal que barrou a investigação contra si, Michel Temer, o presidente, informa o colunista Cláudio Humberto, prepara a campanha de lançamento de um arrojado programa cujo objetivo é passar a sensação de recuperar o tempo perdido, com tantas denúncias, determinando a conclusão de mais de 4.000 obras inacabadas em todo o Brasil, no prazo máximo de um ano. Esse programa deve gerar milhares de empregos e deverá injetar na economia cerca de R$50 bilhões. Trata-se do “Agora é avançar”.

, , , , ,

De acusado de ser funcionário fantasma a Miss Paraná, jornal O Globo detona indicados para a Itaipu

de O Globo

A Miss Paraná de 1995, Marilice Perazzoli Collin, e Marcos Vitório Stamm, acusado de ter sido funcionário fantasma no Senado, foram indicados para cargos em Itaipu – Reprodução internet e divulgação

Após fazer até propaganda apontando a “moralização das nomeações das estatais” como uma das principais medidas de sua gestão, o presidente Michel Temer loteou o comando da hidrelétrica de Itaipu entre aliados e indicou para os cargos até um advogado que já foi acusado de ter sido funcionário fantasma do Senado. A lista dos novos dirigentes foi divulgada pelo Palácio do Planalto. Itaipu é administrada em conjunto com o Paraguai.

Todos os indicados têm como padrinhos políticos paranaenses de PSDB, PMDB, PP, SD e PPS. As nomeações atendem a políticos do estado porque a sede da empresa fica em Foz do Iguaçu (PR). O novo diretor-presidente, Luiz Fernando Vianna, é atual presidente da Companhia Paranaense de Energia (Copel) e foi indicado para Itaipu pelo governador, Beto Richa (PSDB).  (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,