E a conta deputado? Espeta no bolso do contribuinte

E um post do jornalista Guilherme Vanzela, em seu perfil no facebook, provocou um desconforto estomacal no deputado Cobra Repórter.

Fuçando no portal da Transparência da Assembleia Legislativa do Paraná, Vanzela descobriu que somente no mês de agosto, Cobra Repórter gastou R$ 4.800,00 em alimentação, o que dá, em média, R$ 160 por dia.

Só em um restaurante de Rolândia, em um único dia, foram gastos R$ 370,00.

, , ,

Stephanes Jr xinga padre de “bandidinho, marginal…”

E o deputado estadual Stephanes Jr (PSB) pisa feio no tomate, na jaca e em tudo em volta durante a discussão sobre a lei que autoriza a venda de bebida alcoolica nos estádios do Paraná.

Ele se dirige a um dos manifestantes e o xinga de bandido, como lembra o jornalista Fernando Tupan:

Stephanes disparou: “você deve ter sido comprado por alguém pra tá aí, né de azulzinho? Você é marginal, tá fazendo o que aí? Presidente, olha o marginal ali, o bandido ali… o bandidinho ali, bandido, bandido…” O problema é que o de “azulzinho” era um assessor do arcebispo de Curitiba, Dom José Antônio Peruzzo, conhecido como Padre Alex, Alexsander Cordeiro Lopes, coordenador da Ação Evangelizadora da Cúria Metropolitana. O sacerdote ficou de cara e se manifestou na conta do Facebook toda a indignação.

Veja abaixo o que escreveu o padre nas redes sociais sobre o episódio e o destempero do deputado que se diz católico. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , ,