Ausência percebida

O engenheiro civil Cláudio Tedeschi, presidente da Sercomtel, não foi na tradicional cerimônia de posse do presidente da Copel e neto do ex-governador Paulo Pimentel, o antigo proprietário do grupo SBT, hoje nas mãos da família Massa. (mais…)

, , , , , ,

Planos para Salvar a Sercomtel são apresentados pelo prefeito Marcelo Belinati

Hans Muller e Belinati – Foto Divulgação

E o prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, convocou a midia pra explicar o que está sendo proposto para manter a telefônica Sercomtel com as portas abertas, pelo menos por enquanto. (mais…)

, , , , ,

“Conselheiras da Copel orientam acompanhamento da situação da Sercomtel

A mais recente reunião do conselho de administração da Copel, realizada em 13 de junho aprovou, entre outras coisas, a política de dividendos da companhia. Entre os demais temas tratados, as conselheiras Leila Abraham Loria e Olga Stankevicius Colpo registraram o seu descontentamento com relação à demora na implementação do plano de trabalho para análise de desinvestimento de ativos não estratégicos da companhia. (mais…)

, , ,

E a Algar, topa comprar a Sercomtel?

A Sercomtel chegou a ser oferecida para a mineira Algar Telecom. A Algar já atua nos estados de Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, além do Distrito Federal.

Porém, o comando da Algar mostrou-se até interessado na Sercomtel se junto com a londrinense também fosse incluída no pacote a Copel Telecom, empresa da Copel, sócia da Sercomtel.

Quem milita no setor diz que outra possibilidade é as empresas que poderiam adquirir a Sercomtel estejam aguardando a decretação da caducidade, neste caso, poderiam adquirir a londrinense na “bacia das almas”, a um valor irrisório.

, , , ,

Comissão na Sercomtel a todo vapor

Atendendo a recomendação do Ministério Público do Paraná a Sercomtel após pedir a saída do ex presidente Luiz Carlos Adati, uma comissão de experts foi montada para reavaliar pela Lei das Estatais cada currículo dos seus diretores e já chegou a conclusão que Claudio Espiga, diretor técnico da Sercomtel Iluminação, não atende aos requisitos mesmo sendo aposentado da Prefeitura da UEL. A comissão, que é composta por técnicos da telefônica, concluiu que Espiga participou ativamente da campanha eleitoral do prefeito Marcelo Belinati: além das postagens de cunho político-eleitoral em sua página no facebook, o engenheiro também gravou depoimento de apoio para a TV, com imagens no canal do youtube de Marcelo Belinati (VEJA AQUI) que o indicou para o cargo. (mais…)

, , , , ,

Olha quem está na Copel. Manda no Londrina, dirige a empresa de eletricidade

E quem é diretor de empresa controlada pela Copel?
Ele, Sergio Luiz Malucelli, que de gestor de futebol do Londrina Esporte Clube e sócio proprietário da SM Sports aparece na Cutia Empreendimentos Eólicos como diretor adjunto, onde Jamar Rossoni, primo do deputado Valdir Rossoni (Chefe da Casa Civil de Beto Richa) é presidente.
Na mesma empresa no Conselho Fiscal tem os secretários de Richa, Deonilson Roldo e Norberto Ortigara (Chefe de Gabinete e Comunicação Social – Agricultura) e no Conselho de Administração Fábio Antonio Dallazem, Ricardo Rothstein e Jamar Rossoni Clivatti. http://bit.ly/2hRwxas
, , , ,

A Copel já se preparou para desembarcar da Sercomtel

O que mais existe é a cultura do “é possível, nós vamos fazer” na política.
Mas quando o gestor vai enfrentar o drama da receita pequena e a despesa grande e que só aumenta, aí vai a famosa frase: “a dificuldade do momento político e da conjuntura econômica que o Brasil vive”.
E dá-lhe aumento de IPVA, ICMS, Taxas do Detran e ITCMD pelo Beto Richa, CIDE, PIS e Cofins pelo Michel Temer, IPTU, ITBI e Taxas do Lixo e outras cositas pelo Marcelo Belinati.
Cortar na carne não é possível?

(mais…)

, , , , , ,

Richa tira da reta e diz que problema da Sercomtel é de gestão e planejamento

O governador do Paraná Beto Richa esteve ontem em Londrina participando de um evento de igrejas evangélicas. E, obviamente, depois de o prefeito Marcelo Belinati ter dito na reunião com lideranças empresariais e de entidades da cidade que a salvação da Sercomtel passaria pelas mãos de Richa, ele foi questionado pela imprensa.

E não se fez de rogado, deixando claro que não está disposto a segurar a jaca que ele não plantou e nem colheu. “O que o governo puder fazer pela Sercomtel nós iremos fazer. O problema é planejamento, é gestão, para que possa fazer frente no mercado contra importantes companhias que têm maior escala, isso tudo gera uma dificuldade tremenda”.

Richa também desconversou quando foi questionado se o governo poderia perdoar as dívidas fiscais da empresa junto ao governo. “Isso tem que ser discutido. Não adianta um ou outro fato isolado, isso não vai salvar a empresa.

 

 

, , , , ,

Finanças da Sercomtel, clareando… ou não

Ontem publiquei sobre os dirigentes financeiros da empresa (http://bit.ly/2ggHjql) e chamou a atenção que o responsável por apresentar os números na sessão descarrego da Sercomtel na frente do Prefeito e convidados foi Edilson Moreira (Sercomtel Contact Center), já que a atual diretora Rosangela Miqueletti – indicada pelo ex-presidente Luiz Adati – nada disse no evento.

(mais…)

, , , , , ,

Reunião na Sercomtel, decisão: jogar a criança no colo do governador

Pois muito bem. Acabou agora há pouco a reunião entre o prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, o presidente da Sercomtel Hans Muller, presidentes e diretores de entidade, populares, vereadores, etc, etc.

Convocada pelo prefeito, até que houve boa resposta no quesito presença. Houve discursos sobre a importância da Sercomtel para a cidade e para a região; sobre como é bom (?) ter uma empresa telefônica própria e coisa e tal. Quase nada se falou sobre as bobagens feitas no comando da empresa em todos estes anos, bobagens políticas, bobagens administrativas, bobagens corporativas. (mais…)

, , , , , ,

Belinati busca apoio para a pá de cal?

O prefeito de Londrina, Marcelo Belinati e o presidente da telefônica Sercomtel, Hans Muller convocam a sociedade, empresas etc para discutir o que fazer com a empresa.

É mais um jogo político do que realmente busca de solução. Ele não quer ficar com a jaca sozinho. E antes que os comissionados do prefeito encham o saco, digo já, não, não é culpa deste Belinati atual a situação que a Sercomtel se encontra – que também andou fazendo umas trapalhadas escalando para comandar a empresa um grupo de pessoas que não se enquadra na Lei das Estatais.  Mas a fila de culpados é gigante e pode incluir aí de má gestão, mercado competitivo, uso político da empresa, etc, etc. (mais…)

, , , , ,

Foto histórica. O momento da primeira venda da Sercomtel

Alguns dos personagens que deveriam ser convidados para a “Convocação Geral da Sercomtel”, para salvar a empresa.

Na foto, a reunião em que definiu a venda de 45% das ações da Sercomtel para a Copel, com a participação do governador Jaime Lerner, o então prefeito Antonio Belinati, o presidente da Sercomtel Rubens Pavan e o vice-prefeio e presidente da Codel, Alex Canziani.

Boa parte do dinheiro da venda da empresa foi desviado para campanhas eleitorais e rechear bolsos vazios, como ficou comprovado na Justiça.

 

, , , , , ,

Administração Sercomtel/Belinati vai ganhar a pecha de censora de mídia?

Tá certo que o blog Paçoca Com Cebola não é uma “Fora Rede Globo”, longe de ser uma CNN, mas tem seus milhares de leitores todos os meses que entram aqui pra saber um pouco do que acontece na política do Paraná e, em especial, de Londrina.

Por isso a estranheza da ação patrocinada pela Telefônica Sercomtel, presidida pelo empresário Luiz Adati, que é subordinado ao prefeito de Londrina Marcelo Belinati.

Censurar um meio de comunicação, por menor que ele seja, não é o caso do blog que tem milhares de leitores em todo o Paraná e em vários lugares do Brasil, parece coisa de momentos de ditadura de triste memória.

A democracia deve incomodar muita gente. O blog, desde que foi criado lá em 2008 nunca quis ser unanimidade. Quando há necessidade, há críticas, quando as ações são relevantes, há elogios.

O blog sempre foi plural. Tanto que alguns da esquerda dizem que o espaço é da exrema direita; os da direita dizem que há muito espaço aqui para a esquerda.

Só depois da última mudança de provedor, há pouco mais de dois anos, foram publicados mais de 12 mil comentários sobre os mais diversos assuntos. Muitos destes comentários desancando o blogueiro, e foram publicados.

Ora, o blog nunca se furtou a postar qualquer esclarecimento sobre qualquer tema, muitos, inclusive, da própria Sercomtel.

Democracia é isto, pluralidade de ideias.

Pena que demonstra a administração da Sercomtel/Luiz Adati e o prefeito Marcelo Belinati, que é o chefe do primeiro não pensem assim.

 

, , , ,

Copel também tem culpa no imbróglio da Sercomtel

A sócia Copel também é culpada pela crise na Sercomtel. Para quem não se lembra, em 1998 45% das ações da Sercomtel foram vendidas para a Copel – no valor de R$ 186 milhões (hoje quase 1 bilhão) – numa articulação entre o ex-prefeito Antônio Belinati e o então governador Jaime Lerner, cuja vice era Emilia Belinati, na época esposa de Antônio Belinati.

Pouco tempo depois o Ministério Público denunciou que parte do dinheiro da venda das ações da empresa foi usado em campanhas eleitorais e, em especial, na reeleição de Lerner ao governo. (mais…)

, , , , , , , , ,

Sercomtel quer realmente parceria com a Copel pra crescer

E o novo presidente da telefônica Sercomtel, Luiz Adati, tomou posse ontem, numa cerimônia muito concorrida como há tempos não se via.

Estavam presentes o prefeito Marcelo Belinati, prefeito de Londrina, e Luiz Fernando Vianna, presidente da Companhia Paranaense de Energia (Copel), sócio da Sercomtel, além de vários políticos e empresários.

A presença do presidente da Copel foi vista com um aceno salvador. Ocorre que ex-dirigentes da Sercomtel admitem, mas não falam em público, que a empresa vende o almoço pra pagar a janta.

A própria Copel sempre olhou pra Sercomtel como um visitante não muito bem quisto na casa de praia. Sempre houve sinais.

Por exemplo: a Sercomtel é uma empresa de telefonia, transmissão de dados, etc. A Copel usa qual operadora de telefonia celular? E qual operadora da fixa? Sercomtel? (mais…)

, , , , ,