Preso, ex-vereador quer os benefícios da delação premiada. E, cadê os outros?

Orlando Bonilha Proença, o ex-vereador de Londrina que está cumprindo pena há um mês por corrupção na PEL 2, aguarda ansiosamente que a Delação Premiada dele, feita ainda em 2008 o beneficie e ele possa voltar para casa.

O curioso da delação é que ele citou vários empresários e ex-companheiros de Câmara por envolvimento com propina. De dinheiro distribuído a vereadores para aprovar mudança de zoneamento, passando por doação de terrenos, venda de lotes em cemitério e até o famoso rachid com os salários dos assessores.

Os nomes estão todos na delação e até hoje, pelo jeito, as investigações avançaram quase nada.

O advogado de Orlando Bonilha, Ronaldo Neves, cobra do MP a promessa de que, delatando, o ex-vereador não cumpriria pena na cadeia.

Veja a entrevista exclusiva para o blog.

, , , ,