Ministério Público pede absolvição de auditor acusado de crimes sexuais

E numa era em que o linchamento público virou moda. Mais um caso para se pensar, e pensar muito.

O Ministério Público está pedindo a absolvição do auditor fiscal Orlando Coelho Aranda, acusado pelo próprio MP de exploração sexual de menores.

Pois bem, durante todo o desenrolar do processo, Orlando Aranda, que sempre negou o crime, foi preso, escrachado, exposto a humilhações, a família sofreu o diabo com as denúncias, etc, etc.

Agora chegou-se a conclusão que não há provas do suposto crime. Só que, convenhamos, o estrago na vida do cara e da família já está feito.

Aranda ainda responde pela acusação de corrupção, no caso conhecido como Operação Publicano.

Veja o pedido abaixo:

(mais…)

, , , , ,

Auditor fiscal envolvido na Publicano diz que está sendo perseguido pelo MP

 

Hoje à tarde o auditor fiscal da Receita Estadual do Paraná, Orlando Aranda, acusado de participar de um esquema de corrupção derrubado pela Operação Publicano, prestou depoimento ao juiz Juliano Nanuncio.

Foi um depoimento tenso (veja acima). Há cerca de dez dias, segundo Aranda, um grupo de policiais do Gaeco, comandado pelo Ministério Público, esteve na casa dele e recolheu diversos documentos. Aranda diz que eram anotações de sua defesa.

Aranda disse que a ação foi feita para prejudicar sua defesa. (mais…)

, , , , , , ,

Ministério Público do Paraná pede absolvição de Orlando Aranda do crime de exploração sexual de menores

O Ministério Público do Paraná chegou a conclusão de que auditor fiscal da Receita Estadual Orlando Aranda não está envolvido no crime de exploração sexual de menores como chegou a ser denunciado.

Orlando Aranda, havia sido preso em março de 2015 sob a suspeita de favorecimento à prostituição de menores e estupro de vulnerável.

Segundo a conclusão do MPPR, as denunciantes confundiram Orlando Aranda com outro homem chamado Odair Favalli. As vítima disseram que, no reconhecimento fotográfico, confundiram Aranda com Favalli porque os dois são parecidos. Por isso, pede que ele seja absolvido da acusação de exploração sexual de menores.

Aranda continua respondendo, no entanto, pela acusação de participação no esquema de corrupção envolvendo empresários e auditores da Receita da Operação Publicano.

Veja abaixo alguns trechos da conclusão do MPPR:

(mais…)

, , , , ,