Vai entender essa Câmara. Novo diretor geral da Casa responde processo por improbidade

Fala sério.

A Câmara de Vereadores de Londrina procura né. Como procura encrenca para sair mal na fita.

O novo diretor geral da Câmara, Mark Sandro Sorprezo de Almeida, nomeado pelo presidente interino da Casa, vereador Ailton Nantes, responde a processo de improbidade administrativa na Justiça por suposta irregularidade em licitação para compra de marmitas no município de Rolândia (Região Metropolitana de Londrina). Trata-se de uma ação civil pública protocolada pelo MP (Ministério Público) em setembro de 2015, contra Almeida e o ex-prefeito de Rolândia Jonny Lemman, que pede a devolução de R$ 155 mil aos cofres do município. A informação é do jornalista Guilherme Marconi, da Folha de Londrina. Ele é foi alvo também de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito), conhecida como ‘CPI da Marmita’, aberta pela Câmara de Rolândia em 2012. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Belinati, o senhor vai continuar morando lá, ou vai mudar?

PP, cidadão conterrâneo da Vila Recreio, pede pra este prestimoso blog perguntar ao prefeito de Londrina Marcelo Belinati aproveitando a declaração do secretário da Fazenda, Edson Souza que disse que se o cara não puder pagar o IPTU que mude de local.

Então, lá vai: (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Vereadores afastados terão dez dias para defesa prévia antes da Comissão Processante

A Mesa Diretora da Câmara de Londrina recebeu o parecer da procuradoria jurídica da Casa sobre o pedido de abertura de uma Comissão Processante contra os vereadores Rony Alves e Mário Takahashi. Ambos estão afastados da Câmara por decisão da Justiça. Segundo o parecer há elementos que justificam a abertura da CP.

Agora será aberto um prazo de dez dias para que Alves e Takahashi enviem suas defesas prévias. Depois disso o pedido será reavaliado pela Mesa e, possivelmente, votado em Plenário.

, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Cresce a revolta contra o extorsivo aumento do IPTU em Londrina

A revolta com o aumento extorsivo do IPTU em Londrina está crescendo assustadoramente. Há inúmeros relatos de reajustes que chegam a 300%, alguns passam desse porcentual.

A irresponsabilidade com que o tema foi tratado pelo governo Marcelo Belinati e pela Câmara de Vereadores, recusando-se a entender o momento de crise econômica que o País atravessa, com milhões de desempregados, com redução de renda das famílias, milhares de empresas fechadas, etc, é de uma maldade sem fim. (mais…)

, , , , , , , , , , , , , , , ,