Ex-presidente da Sercomtel obtém vitória no STJ

O ex-presidente da Sercomtel, o advogado e jornalista Roberto Coutinho conseguiu uma vitória no Superior Tribunal de Justiça. Em maio de 2012, Coutinho foi denunciado por supostamente fazer parte de um esquema para corromper o vereador Amauri Cardoso (PSDB), de Londrina.

Segundo o advogado de defesa, Walter Bittar, ao pedir habeas corpus em favor de Coutinho, sustentou que o seu cliente “foi enganado pelo GAECO pois deveria ter sido ouvido como investigado mas foi ouvido como testemunha o que viola o direito de defesa de ser advertido de que é objeto da investigação”.  A decisão, por unânimidade, acata a tese de que houve violação à Constituição.

O processo continuará, porém sem os depoimentos dele. Agora Bittar entrará com um recurso para que Coutinho seja excluído do processo

Deixe uma resposta