Greve estadual pode voltar

Hoje a APP Sindicato se reúne com o secretário de educação, Fernando Xavier Ferreira, para discutir a data base dos professores. Eles pedem 13,1% de aumento. Porém, a Secretaria de Estado da Fazenda (Sefa) disse que os salários serão debatidos apenas em maio. Alguns itens da carta-compromisso assinada pelo governo estadual, tem causado descontentamento. O sindicato alega que o governo não está cumprindo sua parte. Uma das motivações seria o pagamento do adicional de férias dos professores, de janeiro deste ano – recebido em março – que teria vindo com descontos salariais inadequados. Neste sábado (dia 25), os professores se reúnem em assembleia para pensar em uma nova paralisação, dependendo das negociações salariais. Também será votado a manutenção ou fim da greve.

Um comentário em “Greve estadual pode voltar

  • 23/04/2015, 18:33 em 18:33
    Permalink

    De novo? Ora, pessoal, a greve está sendo banalizada, o governo está quebrado, e um dos motivos e a folha de pagamento dos ativos e inativos, além de outras mazelas.
    No caso da previdência, não sei o que o exatamente o governo quer, mas uma coisa é certa, tem que mudar em todos os niveis de governo,é só ver que +-um milhão dos aposentados do setor publico federal gasta o mesmo que + de TRINTA milhões de aposentados do INSS.Pode isso Arnaldo?

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: