Na lata

Outra do Zé Beto

Na reunião entre representante dos funcionários públicos e do governo hoje cedo, peitudo foi o secretário da Fazenda, Mauro Ricardo Costa, que disse na lata que, se dependesse da opinião dele, não haveria reposição salarial. Isso depois de explicar mais uma vez que, de cada R$ 10 de receita própria do Estado, R$ 9 são para a folha de pagamento.

0 thoughts on “Na lata

  • 19/05/2015, 21:56 em 21:56
    Permalink

    é assim mesmo, eu já trabalhei em uma entidade pública, mas sempre tem o “milagre” da multiplicação do R$, porque todos querem contratar, e fazer media com os servidores.
    Mas tudo vai passar e continuar na mesma, como sempre foi e será(parece até musica).

    Resposta
  • 19/05/2015, 22:10 em 22:10
    Permalink

    Peitudo o cara…. este arrogante comprou gato por lebre e entrou numa turma que esta acostumada a roubar desde o tempo de Lenner….sabe o que ira acontecer com esta besta, na hora da onça beber agua ele pega o bone e se manda pra Bahia, vide exemplo que tivemos em londrina.

    Resposta
  • 20/05/2015, 10:16 em 10:16
    Permalink

    Dos outros vazamentos que fazem desaparecer o dinheiro público no Estado ele não fala. Como perfeito tucano, a culpa é sempre dos trabalhadores que têm de pagar pela corrupção de seu governo com arrocho salarial e confisco do dinheiro da previdência. Por que o Aécio não convoca a direção nacional do PSDB e manda seu pau-mandado pra outra freguesia?

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: