Não teve jeito. Mais uma da Sercomtel. A empresa pode perder a concessão da telefonia fixa

Eu não ia mais falar da Sercomtel hoje, mas não teve jeito.

Ontem à noite o presidente da empresa, Luiz Carlos Adati, diretores e o prefeito Marcelo Belinati participaram de uma reunião em Brasília na Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). 

Estavam presentes os cinco conselheiros da Anatel, o presidente e assessores.

Eles queriam saber sobre a situação financeira da Sercomtel. Estão muito preocupados e com muitas informações. Apresentaram aos londrinenses um relatório completo sobre a Sercomtel que está entre o alarmante e o “fodeu de vez”. O relatório é muito parecido com o levantamente que a própria telefônica já havia feito.

A bomba foi que a Anatel exigiu um plano de recuperação imediato. Deu um mês de prazo para que a empresa resolva seus poblemas financeiros. Se isso não acontecer a empresa pode perder o contrato de concessão da telefonia fixa.

10 comentários em “Não teve jeito. Mais uma da Sercomtel. A empresa pode perder a concessão da telefonia fixa

  • 14/06/2017, 17:20 em 17:20
    Permalink

    Vindo de Belinati, parece mais uma armada para tentar vender a Sercomtel, assim como fizeram no passado. A presidência da Anatel é indicada pelo Temer, a quem os compadres do Marcelo, Canziani e Barros, estáo agradando, votando seus projetos. No mínimo uma maneira de forçar uma venda da Cia. Assim como os dados que o próprio presidente colocou na imprensa. Quero ver o prefeito conclamar a cidade a defender a Sercomtel. Ele vestir a camisa de melhorar a empresa que é marca da cidade. Aí vou mudar de opiniáo.

    Resposta
  • 14/06/2017, 22:08 em 22:08
    Permalink

    Será um bom momento para a Sercomtel se especializar na arte de trocar lâmpadas queimadas de postes. Por enquanto, até nessa arte a Sercomtel faz um serviço muito ruim.

    Resposta
  • 15/06/2017, 08:30 em 08:30
    Permalink

    AMADORISMO! Esse é o sentimento coletivo, que o diga o Macunaíma, há anos na Empresa, no lugar errado e na hora errada. Só sabe fazer duas coisas: POLITICA e correr atrás do padrinho que o colocou lá.

    Resposta
  • 15/06/2017, 10:51 em 10:51
    Permalink

    É histórico, entra presidente, dis que a empresa está no vermelho, qdo sai, afirma que a empresa está saneada ou no azul. Ex.: Régis Tavares, de brevíssima passagem pela presidência, afirmou que em 36 meses a empresa estaria viável novamente. Pouco mais de 36 meses, após a desastrosa passagem do Schineider, a empresa se encontra a Beira de fechar as portas. Gabriel Campos, saiu dizendo que deixava 30 milhões de reais em caixa. Mas, por um lapso deliberado, esqueceu de dizer que a empresa tinha 50 milhões de reais em dívidas de curtíssimo prazo. vamos esperar o atual presidente, o que vai falar.

    Resposta
    • 15/06/2017, 13:57 em 13:57
      Permalink

      Todos não falam da dívida de 25 milhões de empréstimo pro tio Bila e que a Prefeitura não paga a Sercomtel.
      Bilianti o meliante improbo torrou a grana que hoje valeria 1 bilhão de reais da venda das ações da Sercomtel.
      Até Beto Adati assinou o balanço com esta dívida.
      Vejam:

      http://www.sercomtel.com.br/portalSercomtel/empresa.financas.do

      Resposta
  • 15/06/2017, 16:14 em 16:14
    Permalink

    Esqueceram do Cheida, que pegou dinheiro emprestado para honrar a Folha de pagamento da prefeitura e deu como garantia ações da SERCOMTEL????

    Resposta
  • 16/06/2017, 10:05 em 10:05
    Permalink

    Quem é o Macunaíma????

    Resposta
    • 16/06/2017, 13:49 em 13:49
      Permalink

      Seria do PMDB requionico?
      Acho que é pau mandado

      Resposta
  • 16/06/2017, 10:23 em 10:23
    Permalink

    Nessa história toda, cadê o prefeito, a Copel, o deputado federal Alex, os vereadores e o Ministério Público. Ninguém tem nada pra fala?

    Prefeito, é esse o seu estilo de fazer gestão? Deputado, é suas indicações tem competência para o cargo? MP, vocês estão esperando denúncia ou aumentar os danos ao patrimônio público para agir?

    Isso vem acontecendo não é de hoje, muitos “diretores e gerentes“ estão à frente da empresa a muito tempo e nada fizeram É AGORA QUE VÃO FAZER”. Será que os diretores e gerentes tem competência para resolver os problemas por eles causados?

    Acredito que vão dizer, resposta padrão como sempre: “a situação atual da empresa é o mercado de Telecom” ou “todas as operadoras estão com dificuldades” ou “não temos escala de compra como as outras operadoras” ou “não podemos buscar dinheiro no mercado financeiro” ou “é a única empresa de gestão pública e isso dificulte e atrapalha” ou “licitação prejudica e estratégia da empresa” ou “empresa de serviço e tecnologia precisa de liberdade de compra e contratar profissional do mercado sem concurso público”, entre outras resposta sem proposito.

    Enfim, será que os acionistas “Prefeitura e Copel” estão utilizando alguma metodologia e estratégia de Gestão de Risco que não sabemos para acompanhar a evolução dos números da empresa? Ou ficarão a deus dará, nas mãos desses incompetentes “diretores e gerentes” que não tem condições minimas para propor e apresentar em 30 dias um plano de ação e estratégia à Anatel para recuperação da empresa? Acho que é outra coisa….

    Vamos aguardar sentado a recuperação da Sercomtel!!

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: