Terceirização será votada hoje

Hoje será votado o texto que regulamentará a terceirização no Brasil. Há acordo entre partidos de base e oposição para a votação do projeto. Eles estão entrando em acordo para modificar o texto base já aprovado em Plenário.  Os políticos discutem três pontos: a responsabilidade solidária que obriga as empresas contratantes, a responderem pelos direitos trabalhistas pelos funcionários; diminuição de 24 para 12 meses, o tempo mínimo para o ex-funcionário de empresa contratante prestar serviço como terceirizado e por fim, a cobrança de 5,5% de receita terceirizada não especializada em fornecer mão de obra como INSS.

Deixe uma resposta