Assembleia Legislativa de Santa Catarina recua e não concederá título a Bolsonaro

Já em Santa Catarina, estado talvez mais bolsonarista do Brasil, o ex-presidente perdeu a oportunidade de ser Cidadão Honorário do Estado.

A Assembleia Legislativa catarinense retirou de pauta a votação. Acontece que lá se o cidadão é inelegível, não pode ser agraciado com o título. Outros critérios são: “elevado espírito público”, “virtudes éticas” e “atuação destacada em benefício da sociedade catarinense”.

Segundo alguns deputados de oposição, além do primeiro, Bolsonaro não se enquadraria em nenhum dos outros.

Compartilhe
Leia Também
Comente

3 Comments

  1. Campos

    Nem Santa Catarina, o estado com mais nazifascistas por metro quadrado, vai oferecer o título de cidadão honorário ao inelegível. Isso só prova como a Alep chegou ao fundo do poço. Não basta ter um corrupto na presidência, a Alep ainda oferece o título de cidadão paranaense ao ladrão de bens milionários do estado brasileiro. Vergonha! Vergonha! Vergonha!

  2. van

    O Paraná como líder da região sul já prestou a homenagem e é isto que importa.

  3. Moriarty

    Enquanto o chefão da tentativa de golpe contra a Democracia é homenageado na capital, é do interior do PR o primeiro condenado por esse golpe a começar a cumprir a pena de prisão de 17 anos. Esse imbecil de Apucarana, se tivesse ouvido os conselhos da mulher, estaria em casa cuidando da família e do filho que nasceu enquanto ele estava no xilindró em Brasília. Enquanto a mulher ponderava que o que estava sendo feito na praça dos Três Poderes era vandalismo e isso não podia ser feito, o machão respondia para a mulher: “tem que quebrar tudo para o Exército entrar”. O Exército não entrou e o apucaranense entrou em cana, uma longa cana.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buscar
Anúncios
Paçocast
Anúncios