Galerias lotadas. Presidente da Assembleia Legislativa do Paraná suspende a sessão

Compartilhe
Leia Também
Comente

Um comentário

  1. Biro Biroska

    Vai professor. Bota ordem nessa joça.

  2. Paulo Travesso

    Esses professores que estão lutando contra a privatização das escolas públicas estaduais representam a vanguarda do movimento. Mas, no meio do professorado paranaense, há também seguidores do Ratinho Jr. e de Bolsonaro, dois líderes do “privatiza tudo”, das escolas às praias. E há, inclusive, gente que vê até a possibilidade de se beneficiar da privatização das escolas. De uma coisa todo mundo pode ter certeza: se a privatização fosse tão boa como anunciam os neoliberais do governo, ela também seria adotada nas escolas cívico-militares. Essas foram excluídas do processo de entrega das escolas públicas do Paraná aos investidores privados. Perguntar não ofende: será que o Ratinho Jr. está de olho na melhoria das escolas públicas ou no apoio dos ricaços à sua próxima candidatura?

  3. Carlos Marques

    Pelo jeito, aqui em Londrina, só o deputado Tercílio Turini votou contra a privatização das escolas públicas estaduais. O resto comeu na mão do governador. Se essa decisão não agradou aos paranaenses, então podem colocar essa decisão nas mãos dos eleitores dessa cambada inútil de neoliberais.

  4. Major

    Turini pra Prefeito.

  5. Celso Zamoner

    A terceirização promovida no âmbito dos serviços públicos essenciais, tais como a saúde, educação e assistência, sempre se revelam desastrosas e refratárias ao interesse público, redundando, não raras vezes, no enriquecimento ilícito de agentes políticos e empresários. A adoção de mecanismos de privatização, terceirização e congêneres, só se justifica na áreas que envolvam a exploração de atividades econômicas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buscar
Anúncios
Paçocast
Anúncios