Adati até que tentou, mas era um peixe fora dágua

Dentro de alguns minutos a assessoria do ex-presidente da telefônica Sercomtel, Luiz Adati, vai soltar uma nota oficial explicando porque ele está deixando o comando da empresa. A não ser que eu esteja muito errado, vai alegar questões pessoais, etc,.

Mas o fato é que Adati há muito tempo já vinha pensando em deixar o barco. Obviamente ele não podia alegar que não sabia como estava a situação da empresa. O irmão dele, Carlos Alberto Massaru Adati, fora presidente do Conselho de Administração da Sercomtel e conhecia os números.

Luiz Carlos Adati, empresário bem sucedido no ramo dos estacionamentos, mas sem conhecimento do mercado de telefonia, fez o possível, mas encontrou trocentas pedras pelo caminho, de má vontade de grupos a falta de habilidade política.

Para piorar, o Ministério Público estava analisando a Lei das Estatais o que pode gerar, em breve, a saída de diretores e conselheiros da empresa que não se enquadram nas novas regras. Adati era um dos alvos da promotora Sandra Koch, como agora foi confirmado.

3 comentários em “Adati até que tentou, mas era um peixe fora dágua

  • 09/10/2017, 11:23 em 11:23
    Permalink

    Agronomo, Luiz Adati, deixa o ramo da telefonia.
    O ramo é para quem conhece.
    Vai cuidar da empresa de estacionamento.

    http://www.expofunding.com.br/

    http://www.estacenter.com/

    https://maringapost.com.br/angelorigon/2017/06/16/grupo-empresarial/
    Grupo empresarial
    Atua em Maringá a londrinense Botucaraí Administradora de Imóveis SS Ltda., da família Canziani, que possui como seu expoente político o deputado federal Alex Canziani, presidente estadual do PTB.
    Desde sua campanha como vice-prefeito de Londrina na chapa de Antonio Belinati (1996) trilha os caminhos ao lado do PP (do falecido José Janene, Ricardo Barros e agora Marcelo Belinati), e aqui investiu aqui ao lado do hoje presidente da Sercomtel S.A. Telecomunicações, Luiz Adati, irmão de Beto Adati (que foi justamente presidente do Conselho de Administração da Sercomtel na gestão do ex-prefeito Alexandre Kireeff, do PSD), no Aero Estacionamentos Ltda. (administrado pela holding dos Adati – Estacenter), uma cópia do modelo curitibano de estacionamento fora dos domínios da administradora do aeroporto e que concorre com o Estacionamento Ingá.

    Resposta
  • 09/10/2017, 19:00 em 19:00
    Permalink

    Na realidade o Alex (prefeito de fato) enfiou goela abaixo do aprendiz de prefeito. Toma! Uma afronta aos funcionários e a história ímpar da SERCOMTEL, que está sendo maculada, jogada na sarjeta.

    Resposta
  • 09/10/2017, 19:08 em 19:08
    Permalink

    É jápa, minha mãe dizia, cabeça é pra pensar e não pra separar as orelhas. Aí dá no que dá, aborrecimento, e aquela
    sensação de injustiça, afinal acreditamos que vc tinha a melhor das intenções, mas já era tarde. A administração anterior antecipou o fim, de tanta cagada, inclusive no episódio da demissão de funcionários estáveis, que a procuradoria do município demonstrou ser inviável e temerosa.

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: