Astróloga mais famosa de Londrina recebe título de Cidadã Honorária

yara

Quem nasceu no norte do Paraná, em algum momento parou para ler ou ouvir as previsões da astróloga Yara Ramos.  Escritora e radialista, aos 76 anos ela será homenageada com o título de Cidadã Honorária de Londrina.

A solenidade na Câmara de Vereadores será nesta sexta-feira. A concessão da honraria foi proposta pelo vereador Péricles Deliberador (PMN), subscrita por mais 11 vereadores e sancionada pelo prefeito Alexandre Kireeff (PSD), por meio da lei n° 12.183/2014. O evento será realizado a partir das 20 horas, na sala de sessões do Legislativo Londrinense com transmissão online por meio do site www.cml.pr.gov.br.

Rosa da Aparecida Ramos Teixeira, a “Yara Ramos”, nasceu em São Jerônimo da Serra (PR), em 10 de maio de 1938. A família de Yara mudou-se para Londrina na década de 40, para residir nas proximidades do distrito da Maravilha, região Sul da cidade, onde a homenageada permaneceu durante toda a sua adolescência, dos nove até os 21 anos. Seu pai foi pioneiro na região, trabalhou em lavouras de milho e outros cereais, café e criação de gado. Ao completar 12 anos de idade e com apenas o curso primário, Yara Ramos começou a dar aulas para seus irmãos mais novos e vizinhos e, posteriormente, lecionou na escola primária de Maravilha.

Yara Ramos foi responsável pela alfabetização de muitas crianças naquele distrito, inclusive de um grupo de 45 descendentes de japoneses, cujos pais se instalaram em Maravilha para cultivar rami. Embora não tivesse formação pedagógica, lançou mão da criatividade e inovou com um método de alfabetização para as crianças japonesas que utilizava canto e desenho, o que lhe permitiu aprender palavras e cantos da língua japonesa. Em 1959, no aniversário de 25 anos da cidade, a homenageada entre outras professoras, recebeu Diploma e Medalha do Município em razão dos relevantes serviços prestados à comunidade.

Astrologia e rádio – Em 1962 mudou-se para a zona urbana de Londrina e continuou dando aulas em escolas municipais, além de estudar o 2º grau, concluindo o colegial na capital do Estado, Curitiba. Iniciou a carreira de bancária e conheceu o professor Netuno, astrólogo e radialista, do qual foi secretária, e com quem aprendeu astrologia, numerologia e ciências místicas. Em agosto de 1971 adotou o pseudônimo de “Yara Ramos” e iniciou um programa na Rádio Difusora de Londrina, líder de audiência à época. Este ano, no mês de agosto, o programa “Yara Ramos” hoje veiculado pela Rádio Londrina, comemora 44 anos de existência.

No programa radiofônico, Yara Ramos atende diariamente, de segunda a sábado, telefonemas e cartas dos ouvintes, analisa problemas e oferece conselhos, além de apresentar o horóscopo. O mesmo programa é gravado diariamente para dezenas de emissoras de rádio espalhadas pelo Brasil que avançam além as fronteiras do Estado, para ser veiculado em cidades como Goiânia (GO), Brasília (DF) Curitiba (PR). Durante mais de 20 anos, Yara Ramos também escreveu o horóscopo publicado diariamente pelo jornal Folha de Londrina, bem como em periódicos de outros estados, principalmente de Minas Gerais e Goiás.

Deixe uma resposta