Como ela é

Sem preferência declarada, um cacique tucano diz aguardar de Aécio Neves, Geraldo Alckmin e José Serra um acordo amigável. “Se não, ficarão sem o respeito do partido e da população”, ameaça. Experiente, ele tem alertado os correligionários a não tomarem tanto lado na disputa. “Depois, eles se resolvem e nós é que nos queimamos”, avisa.

* Embora afirme que existe hoje um vácuo político no Paraná, Álvaro Dias diz descartar de fato uma candidatura local. O senador segue firme na intenção de disputar o Planalto para atrair novos filiados à sigla.

http://istoe.com.br/quem-vai-pagar/

Deixe uma resposta